Portugueses estão de olho nas vagas de engenharia e TI do Brasil

A cada 60 currículos recebidos, um era de um profissional português ou um brasileiro que está no país e deseja voltar

SÃO PAULO – A crise internacional tem feito com que os portugueses “redescobrissem” o Brasil. De acordo com a Hays, empresa de recrutamento e seleção de média e alta gerência, a cada 60 currículos recebidos no primeiro trimestre deste ano, um era de um profissional de Portugal ou um brasileiro que está no país e deseja voltar.

Segundo a consultoria, entre os motivos de interesse para mudança de país estão a facilidade da língua e a união familiar, já que muitos são casados com brasileiros ou possuem parentes morando no Brasil. Outra razão apontada foi a busca por uma posição de gerência para então mudar-se com a família inteira para País.

Perfil dos profissionais
Ao analisar o perfil dos profissionais, nota-se que a maioria dos currículos é de pessoas com formação em área técnica, principalmente em TI (Tecnologia da Informação) e Engenharia.

PUBLICIDADE

“Nos últimos anos a demanda por engenheiros no Brasil aumentou demais e a oferta é baixa. Como Portugal não vive um bom momento, muitos profissionais têm interesse em vir ao Brasil”, explica o gerente de expertise de Engenharia da Hays, Juliano Ballarotti.

Ele acrescenta que boa parte dos candidatos portugueses possuem habilidade técnica, têm boa experiência em obras de infraestrutura, principalmente aqueles que participaram do rápido desenvolvimento de Portugal quando o país entrou na Zona do Euro. “Naquele momento, o país cresceu bastante em termos de infraestrutura e muitos candidatos ganharam boa experiência no setor”.

Dos candidatos, todos possuem pelo menos cinco anos de experiência em suas respectivas áreas. E sobre a idade, os profissionais têm uma média de 30 a 45 anos de idade.