Por que um líder pode não ocupar o mesmo cargo em uma nova empresa?

Mudança de segmento, local de trabalho anterior, falta de interação com os colegas podem ser uma das razões. Confira!

SÃO PAULO – Imagine que você deixou o cargo de líder
para trabalhar em outra empresa. Sua meta era mostrar um bom desempenho e, consequentemente, alcançar um cargo de gestão novamente. Porém, seus planos não foram concretizados. E agora, o que pode ter acontecido?

De acordo com o presidente da Curriculum.com.br, Marcelo Abrileri, há cinco motivos que podem explicar a situação, sendo que eles estão ligados ao comportamento, aos relacionamentos ou à mudança.

Motivos

A primeira razão apontada por Abrileri, para o profissional não conseguir ocupar o cargo de liderança no novo emprego, é a mudança de segmento. “O profissional estava atuando em um determinado mercado e agora resolveu ir para um segmento no qual não tem domínio. Diante desse cenário, não há como ocupar um cargo de gestão”.

PUBLICIDADE

Já o segundo motivo pode estar relacionado ao local anterior de trabalho. “Se a pessoa atua em uma instituição por muito tempo, é natural que ela consiga a ascensão profissional de forma mais rápida, uma vez que, durante esse período, houve a criação de alianças estratégicas”.

Além disso, Abrileri destaca que a interação com os colegas e com o chefe também pode ser um fator determinante. “Em uma nova empresa, os colegas de trabalho são outros e pode ou não haver empatia e interação. Com o chefe, a situação é a mesma, porque existem vários perfis
de chefes. De repente, o seu perfil agradava o seu superior anterior, mas não agrada o atual”.

O quarto motivo para não ser um líder novamente está relacionado ao momento pessoal do profissional. “Há fases da vida em que a pessoa está mais voltada para o trabalho, já em outras não. Uma possível explicação para o fato é a falta de engajamento com os valores da empresa”, ressalta Abrileri.

Por último, a razão depende também do nível profissional dos novos colegas de trabalho. “É importante verificar se o seu diferencial competitivo continua nessa nova instituição, ou seja, se o seu conjunto de qualificações oferece destaque a você”.

Como mudar?

Para alterar essa situação e se tornar um líder novamente, Abrileri destaca que é importante identificar qual é o problema que você está passando e trabalhar para corrigí-lo.

“Se o problema for a qualificação técnica, busque cursos de especialização. Caso seja conflito de relacionamento, repense nas suas atitudes, seja um bom ouvinte, responda a seus colegas com atenção e cumpra seus prazos e horários”.

Abrileri finaliza ressaltando que o líder conquista sua liderança pelas ações e caráter. “Um bom líder não cria falsas expectativas, não faz nenhum tipo de jogo, reconhece seus erros, além de saber perguntar e aprender quando for preciso”.