PIS: trabalhador tem até o dia 30 de junho para efetuar saques

Os saques podem ser efetuados em qualquer agência da Caixa Econômica nos próximos dias; valor do abono é de R$ 240

SÃO PAULO – Os trabalhadores com direito ao recebimento do Abono Salarial do PIS têm apenas até segunda-feira, dia 30 de junho, para sacarem o dinheiro referente aos exercícios 2002/2003. Os saques podem ser efetuados em qualquer agência da Caixa Econômica Federal nos próximos dias.

Embora muitas pessoas não saibam, o abono possui valor equivalente a um salário mínimo (R$ 240) e nos casos em que o trabalhador deixar de fazer o saque este dinheiro automaticamente volta para a conta do Fundo de Amparo ao Trabalhador, o FAT.

Mais de 90% já receberam

De acordo com a Caixa, até o momento foram pagos 90,75% do total de abonos aos quais os trabalhadores têm direito a receber. Em números absolutos, mais de 5,4 milhões de pessoas já sacaram o abono, de um total de 6,03 milhões beneficiários, o que significa que foi pago R$ 1,06 bilhão de um total de R$ 1,2 bilhão.

PUBLICIDADE

Assim como o abono, os rendimentos do PIS também estão disponíveis para saque até o dia 30 de junho. Estes podem ser sacados a qualquer momento por terem valores inferiores ao abono salarial, de forma que ficam acumulados em uma conta do trabalhador. Contudo, devem ser sacados dentro do ano calendário. Estima-se que cerca de 14,7 milhões de rendimentos já foram pagos entre 2002 e 2003.

Como funciona o PIS

O abono anual funciona como uma espécie de 14º salário, pago aos empregados em uma data fixada pela Caixa Econômica. Como acontece com qualquer outro benefício concedido pelo governo, existem alguns requisitos exigidos por lei para que você tenha direito a esse benefício:

  • A média da sua remuneração durante o ano anterior deverá ser de no máximo dois salários mínimos mensais;
  • No ano anterior ter trabalhado pelo menos trinta dias com vínculo empregatício;
  • Ser cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos;
  • O empregador deverá ter informado os seus dados corretamente na Rais (Relação Anual das Informações Sociais) durante o ano anterior ao pagamento do benefício.

Leia também:

Adesões ao convênio Caixa PIS Empresa terminam no dia 27 de junho