Novo?

Novo estagiário do Google no Brasil? Um homem de 70 anos que largou tudo

Lew foi convidado em 2013 para palestrar na sede da empresa no Brasil - e foi aí que sua história no Google começou

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Vencedor de 17 Leões de Cannes e um dos publicitários criativos mais prestigiados do país, Jacques Lewkowicz, conhecido como “Lew” decidiu dar um passo diferente em sua carreira: aos 70 anos, ele vendeu sua participação na agência da qual era cofundador, a Lew’Lara/TBWA, para se tornar um estagiário do Google.

Lew foi convidado em 2013 para palestrar na sede da empresa no Brasil – e foi aí que sua história no Google começou. Uma conversa com o diretor de agências do Google Brasil, Marco Bebiano, foi do que precisou para passar três dias conhecendo a empresa e suas ferramentas.

Alguns meses depois, vendeu sua participação na Lew’Lara, algo que vinha planejando desde 2007. Aposentado, ganhou o cargo de “chairman” da agência: “’Chairman’, no fundo, no fundo, quer dizer aposentado”, disse Lew em entrevista à Folha de S. Paulo.

PUBLICIDADE

O convite para estagiar no Google veio de Bebiano, logo após o publicitário ter passado uma temporada em Manhattan. “Ele não tem os vícios de um jovem que nasceu no digital e acha tudo normal. Ele vem aberto para o novo e tem uma bagagem e uma profundidade que o jovem não tem”, disse Bebiano.

O estágio tem duração de seis meses, com anseio de ambas as partes de prolonga-lo; seu objetivo, segundo o executivo, é unir a criatividade de Lew com as ferramentas tecnológicas do Google para encontrar “novos caminhos para a propaganda no YouTube e apresenta-los ao mercado publicitário”.

Em sua rotina, Lew agora tem um compromisso diário com o Google das 9h às 17h e afirma que criar campanhas para a empresa ou qualquer outro cliente não faz mais parte de seu trabalho, muito menos concorrer a prêmios. Algumas vezes pede folgas para poder cumprir suas “obrigações” como avô, mas tirando isso é um estagiário comum – divide baia e não possui secretária. 

Lew é, desde fevereiro, o segundo funcionário mais velho da gigante de buscas, perdendo apenas para Vint Cerf, 71, um dos criadores da internet e vice-presidente e “evangelista-chefe da Internet”.