Mercado de trabalho: falta emprego para quase metade dos jovens

Pesquisa do Ipea revela ainda que o desemprego entre os jovens é 3,5 vezes maior do que o de adultos com mais de 24 anos

SÃO PAULO – Pesquisa realizada pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) mostra falta emprego para quase metade dos jovens brasileiros. De acordo com os dados, dentre 10 países analisados, o Brasil é aquele que possui o maior número de jovens entre os desempregados: a proporção chega a 46,6% da população.

A pesquisa “Juventude e políticas sociais no Brasil”, organizada por Jorge Abrahão de Castro e Luseni Aquino, ainda constata que o desemprego desta população é 3,5 vezes maior do que o de adultos com mais de 24 anos. A diferença, por sua vez, vem aumentando, tendo em vista que era de 2,9 vezes em 1995 e de 2,8 vezes em 1990.

Comparação com outros países

No caso da Alemanha, por exemplo, o índice de pessoas de 15 a 24 anos entre os desempregados é de 16,3%, o menor registrado entre os países analisados, de acordo com a tabela abaixo:

PaísJovens entre desempregados
Alemanha16,3%
França22,1%
Espanha25,6%
Itália25,9%
Estados Unidos33,2%
Suécia33,3%
Grã-Bretanha38,6%
Argentina39,6%
México40,4%
Brasil46,6%

PUBLICIDADE

Fonte: Ipea

Motivos para desemprego

De acordo com os técnicos do Ipea, o desemprego é maior entre os jovens porque eles são demitidos por um custo muito baixo para as empresas. Além disso, a falta de experiência faz com que eles sejam considerados menos ‘essenciais’.