Mais tempo na escola: projeto prevê extensão do Ensino Fundamental

Se aprovada a proposta, Ensino Fundamental passará a incluir oficialmente a pré-escola e terá duração de 9 anos

SÃO PAULO – O sistema educacional brasileiro pode sofrer uma importante mudança em breve. O Senado Federal está analisando um projeto de lei que pretende estender a duração do Ensino Fundamental brasileiro para nove anos.

O modelo oficial atualmente vigente vai da primeira à oitava série, compreendendo o primário e o ginásio de antigamente. Na nova versão, a pré-escola será incluída no currículo.

Fora do país

Para quem mora fora do país e têm as crianças estudando em escolas brasileiras, a novidade é bem-vinda. Isso porque em muitos dos principais destinos dos nossos emigrantes, como os EUA ou o Japão, esse é o modelo vigente.

PUBLICIDADE

Com a mudança, o sistema educacional brasileiro ficará equiparado com os internacionais, facilitando a adaptação das crianças no país estrangeiro. Além disso, pais e educadores de crianças brasileiras no exterior alegam que a extensão do Ensino Fundamental deverá ser benéfica também do ponto de vista intelectual, já que as crianças passarão mais tempo estudando.

MG e AM já adotam modelo

Por outro lado, existem também os que são contra o novo sistema, alegando que as crianças entrarão muito novas nas escolas e ficarão expostas a outros alunos bem mais velhos, o que não é bem visto pelos pais.

Caso a proposta seja aprovada, as instituições de ensino fundamental terão até 2010 para se adaptar ao novo modelo, tempo necessário para a reforma do currículo e a revisão do material didático.

Muitas escolas, em estados como Minas Gerais e Amazonas, já se adiantaram e adotaram o modelo com nove anos. Em 2004, segundo o Censo escolar, o Brasil já contava com mais de 23 mil instituições que adotavam o ensino fundamental de nove anos.