Maioria dos profissionais já presenciou preconceito contra negros nas empresas

Segundo pesquisa, 51% já presenciaram alguma atitude preconceituosa dentro da empresa em que trabalham

SÃO PAULO – Ações racistas contra negros ainda são comuns no meio corporativo. Um levantamento realizado pela Trabalhando.com, com 275 pessoas, revelou que 79% já presenciaram atitudes preconceituosas contra estes profissionais.

Deste total, 51% já presenciaram alguma atitude preconceituosa dentro da empresa em que trabalham e 28% em outras companhias.

Sem preconceito
Apenas 21% dos respondentes disseram que nunca viram nenhuma manifestação desse tipo. E para eles, atualmente, no mercado de trabalho, não existe mais preconceito.

PUBLICIDADE

Para o diretor-geral da Trabalhando.com, Renato Grinberg, infelizmente, o preconceito ainda é uma realidade no Brasil. “O mundo aplaudiu de pé quando o povo norte-americano elegeu Barack Obama. Por ser o primeiro presidente negro da história daquele país, a sensação era de igualdade e de poder compartilhado entre negros e brancos, mas infelizmente no Brasil a coisa ainda não é bem assim”, ressalta.

Ele acrescenta que os números da pesquisa mostram que, apesar dos esforços, o preconceito está dentro das empresas. “Ainda assim, não podemos deixar de lutar pelo seu fim e para tornar o ambiente profissional cada vez mais  justo e baseado em meritocracia”, finalizou.