Perdas bilionárias

“Liquidação” na Nasdaq faz gigantes do Vale do Silício perderem US$ 11,5 bi em poucos dias

Mark Zuckerberg perdeu US$ 1 bilhão e foi um dos grandes perdedores; de acordo com CNBC, CEO do Facebook mostra como movimentos no setor tecnológico abalam patrimônio de bilionários do setor

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A forte saída de investidores na semana passada em ações do setor de tecnologia nos EUA, levando a uma queda do Nasdaq, deu a uma grande dor de cabeça para os maiores bilionários do Vale do Silício. 

Em apenas quatro pregões, os 23 bilionários mais ricos do setor de tecnologia perderam US$ 11,5 bilhões desde o dia 2 de abril até o fechamento da última sexta-feira, quando os investidores passaram a vender as ações, acendendo os temores de que uma bolha estaria se aproximando após as fortes altas. No dia 4 de abril, o Nasdaq registrou a sua maior perda em dois anos, com baixa de 2,66%. 

De acordo com dados do Bloomberg Billionaires, Mark Zuckerberg, do Facebook, Jeff Bezos da Amazon, Larry Ellison, da Oracle Corp, e Bill Gates, da Microsoft Corp., perderam, cada um, mais de US$ 1 bilhão em apenas quatro dias de operações.

PUBLICIDADE

E, apesar das ações de tecnologia terem mudado de direção nas duas últimas sessões e registrarem alta, os investidores retiraram boa parte da fatia de papéis de tecnologia este ano, ressalta a Bloomberg, preferindo companhias com dividendos e lucros estáveis. 

Riqueza volátil
Conforme destaca reportagem da CNBC, Mark Zuckerberg está oferecendo ao mundo uma lição sobre a forte volatilidade da riqueza do setor de tecnologia. O bilionário criador do Facebook viu sua riqueza subir para US$ 20 bilhões logo após o IPO da companhia em maio de 2012 mas, quando a ação caiu no restante daquele ano, o patrimônio líquido que o empresário detém no papel caiu para US$ 9 bilhões. Com o “ressurgimento” das ações da companhia em 2013, ele retomou o dinheiro que havia perdido e ganhou ainda mais. 

Porém, nas últimas semanas, a montanha-russa teve uma nova baixa e, com a análise das perdas de riqueza mostram que Zuckerberg é um dos maiores perdedores da última baixa de Wall Street. Seu patrimônio caiu em US$ 4,6 bilhões desde 4 de março, quando o S&P 500 atingiu o seu pico. Zuckerberg ainda tem US$ 25 bilhões mas, mesmo assim, as perdas são amargas. 

Entre os maiores perdedores, Jeff Bezos está na lista, perdendo US$ 3,4 bilhões no mesmo período, o que parece pouco perto de seu patrimônio de US$ 29 bilhões. Mas, conforme aponta a CNBC, ele poderia ter comprado quase todos os outros jornais dos EUA com o dinheiro perdido.

Segue abaixo a lista de alguns dos perdedores bilionários desde o dia 4 de março até o fechamento da última segunda-feira (7): 

Mark Zuckerberg, CEO e co- fundador do Facebook – US$ 4,6 bilhões 
Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon, US$ 3,4 bilhões
Larry Page, co- fundador e CEO do Google – US$ 1,28 bilhão
Sergey Brin – co-fundador do Google- US$ 1,25 bilhão
Evan Williams -co-fundador do Twitter – US$ 668 milhões 
Reed Hastings -co- fundador e CEO do Netflix – US$ 269 milhões