AO VIVO Stock Pickers: Wilson Neto, analista da Clear, e Felipe Pontes, professor do MBA de ações e Stock Picking, falam sobre Day Trade

Stock Pickers: Wilson Neto, analista da Clear, e Felipe Pontes, professor do MBA de ações e Stock Picking, falam sobre Day Trade

Ir contra ideias do chefe é uma das atitudes que podem detonar imagem profissional

Fazer-se de vítima e ser reclamão, aparecido ou um completo insatisfeito também prejudicam imagem na empresa

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Estar sempre contrário às ideias do chefe é uma das cinco atitudes que podem detonar a imagem de um profissional dentro da empresa, segundo avalia a coordenadora de consultoria da Ricardo Xavier Recursos Humanos, Veridiana Germano.

Segundo ela, esse profissional pode ficar conhecido como “o do contra”, sendo que muitas vezes, a discordância pode evoluir para discussões e bate-boca. Como consequência, além da imagem prejudicada, o profissional pode ser, por exemplo, preterido em promoções.

Para remediar a situação, a especialista sugere que a pessoa observe a maneira como coloca suas ideias. O ideal, diz, é elogiar os pontos positivos da ideia do chefe e apresentar as próprias ideias como uma forma de colaboração.

Aprenda a investir na bolsa

Vítima e reclamação
Estar sempre no papel de vítima é outra atitude que pode detonar a imagem de um profissional dentro da empresa. O comportamento, explica Veridiana, geralmente pode ser explicado pelo fato de que a pessoa não acompanha algum processo de mudança que tenha ocorrido ou esteja ocorrendo na empresa.

“A pessoa acredita que é vítima e acha que tudo é perseguição”, explica a especialista. Para atenuar os arranhões na imagem, diz, o profissional deve tentar enxergar as mudanças da empresa de forma positiva, mudar o discurso e ficar quieto quando perceber que irá fazer tal papel.

Assim como estar sempre no papel de vítima é prejudicial, ser o reclamão da empresa não ajuda quem quer evoluir na carreira, visto que este profissional está sempre colocando defeitos nos benefícios, na equipe, na organização e geralmente não oferece soluções para mudar.

Quem já percebeu que tem esta imagem na empresa, sugere a especialista, deve evitar as famosas reclamações e só fazê-las quando puder sugerir meios para mudar o que acredita estar errado.

Pessimismo e necessidade de aparecer
Assim como reclamar não ajuda quem quer crescer, ser pessimista ou mesmo andar com pessoas pessimistas pode causar problemas para a imagem profissional dentro da empresa.

“Mesmo que a pessoa não esteja insatisfeita, ela vai ficar conhecida como tal, simplesmente porque está próxima de pessoas que são tidas como pessimistas dentro da empresa”. Neste caso, completa, “o melhor é se afastar e fazer alianças com outros grupos”.

PUBLICIDADE

Por fim, alerta a especialista, querer aparecer a todo custo também pode custar caro para a imagem da pessoa dentro da empresa.

Desta forma, aconselha, “avalie bem suas manifestações e procure se manifestar quando realmente for oportuno”.