Trabalho

Incomodado com atitudes do colega de trabalho? Saiba o que fazer!

Para evitar um clima desagradável, o profissional precisa conversar em primeiro lugar com o próprio colega

SÃO PAULO – No ambiente de trabalho, é comum o profissional ficar incomodado com alguma atitude do colega. Nessa situação, o que é aconselhável fazer? Como a reclamação deve ser feita?

Segundo o consultor do Grupo Soma, Antenor de Toledo Barros Neto, a reclamação primeiro deve ser feita diretamente ao colega. “O primeiro passo é procurar o colega. Se não houver mudança após a conversa, é indicado conversar com o gestor”, explica.

O especialista afirma ainda que a reclamação só deve ser feita se for relacionada às atividades do trabalho. “É importante informar o que está impactando no seu trabalho e, principalmente, o motivo”, destaca.

PUBLICIDADE

Reclamar para o chefe

Se a conversa com o colega não resolver o problema, o segundo passo é procurar o chefe. Novamente, a reclamação deve pontuar questões que atrapalham no desenvolvimento das atividades. “A reclamação não pode ser pessoal, mas sim sobre o processo de trabalho estabelecido pela empresa e que não está sendo cumprido por algum motivo”, disse Barros Neto.

O consultor esclarece também que, para evitar um clima desagradável no ambiente de trabalho entre os colegas, o profissional precisa esclarecer que a reclamação não é pessoal.

Reclamar do chefe

Caso a reclamação seja sobre o líder, a pessoa deve procurá-lo para expor o que incomoda em relação ao trabalho. O especialista afirma ainda que, para que isso aconteça, é necessário ter uma relação que permita que essa conversa seja franca. “Esse gestor deve receber a reclamação como uma crítica construtiva”, analisa Barros Neto.

Se o profissional não se sentir à vontade em fazer a reclamação com o chefe, o consultor aconselha que a pessoa converse com outro colega que já passou pela mesma situação, para saber como foi a reação do gestor e como ele aceita reclamações.

Outra maneira de reclamar do chefe é por meio de avaliações de clima organizacional. “Geralmente, essas pesquisas são mais voltadas para o lado pessoal, mas, se a empresa abordar as atividades rotineiras, pode ser um canal para realizar essa reclamação”, disse o consultor.

Barros Neto declara ainda que o gestor deve enxergar o profissional que reclama como uma pessoa que está atenta aos processos estabelecidos pelo próprio gestor ou empresa.