Salário mínimo

Governo vai enviar MP sobre salário mínimo e projeto sai de pauta, diz líder

A proposta já foi aprovada, mas falta a análise de destaques polêmicos, como o que estende o reajuste a aposentados

arrow_forwardMais sobre

O líder do Solidariedade, deputado Arthur Oliveira Maia (BA), disse há pouco que o projeto que cria uma política de atualização do salário mínimo até 2019 foi retirado de pauta pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, depois que o governo anunciou a disposição de editar uma medida provisória (MP) sobre o tema. A proposta já foi aprovada, mas falta a análise de destaques polêmicos, como o que estende o reajuste a aposentados.

A oposição, segundo ele, é contra. “A presidente está tentando substituir o papel do parlamento”, disse Maia. O argumento do governo seria de que o Congresso não teria tempo para terminar a votação antes de primeiro de maio.

O líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), disse que o governo quis evitar uma derrota. “Trata-se de uma tática do governo de passar por cima do Congresso porque sentiu cheiro de derrota na questão dos aposentados.

PUBLICIDADE

Os líderes decidiram dedicar a sessão desta terça-feira para votar projetos relacionados à segurança pública. Alguns deles, segundo Maia, polêmicos, como o que aumenta o tempo de prisão do jovem infrator. “Alguns líderes disseram que vão querer debater melhor este tema”, disse Arthur Maia.