FGTS: trabalhador economiza tempo no saque do benefício ao utilizar sistema da Caixa

Basta que a empresa comunique o afastamento do empregado por meio do Conectividade Social; 850 mil serão beneficiados

SÃO PAULO – Caso você tenha sido dispensado do trabalho e precise efetuar o saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), saiba que poderá fazê-lo comparecendo apenas uma vez em uma das agência da Caixa Econômica Federal (CEF). Para que isso seja possível, a empresa deve comunicar o afastamento do funcionário por meio do Conectividade Social.

Implementado em meados do primeiro semestre deste ano pela CEF, o sistema, que faz parte do Programa de Excelência do FGTS, possibilita a comunicação das empresas com o banco de dados do Fundo, tornando mais rápido o saque do benefício.

De acordo com a CEF, somente em agosto deste ano, dos 1,4 milhão de trabalhadores que efetuaram o saque do benefício, 435 mil o fizeram por meio do novo sistema, comparecendo na agência diretamente para receber o saldo da conta e não mais para dar entrada na solicitação do pagamento.

PUBLICIDADE

Com o sistema, a CEF espera que, até o final do ano, 850 mil trabalhadores com direito ao saque do FGTS sejam beneficiados.

Como funciona

O Conectividade Social funciona como um canal eletrônico que permite às empresas transmitir, via internet, os dados gerados pelo Sistema Empresa de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social (SEFIP). Assim, fica dispensado o uso do disquete, como acontecia até então.

Da própria empresa, o empresário ou seu contador pode comunicar o afastamento do funcionário, gerando automaticamente o pagamento, cinco dias úteis após sua saída.

Para terem acesso ao sistema, as empresas precisam requerer uma Certificação Digital, que é obrigatória e gratuita. Até agora, mais de 2,3 milhões de empresas já aderiram ao novo sistema, passando a transmitir seus dados pela internet.