FGTS fecha semestre com recorde de arrecadação e de número de beneficiados

Arrecadação superou saques em R$ 5,9 bilhões no período e número de trabalhadores chegou a 32,4 milhões

SÃO PAULO – O FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) fechou o semestre com arrecadação R$ 5,9 bilhões superior aos saques, o que representa um recorde.

O valor equivale a mais do que o dobro (158%) do que foi identificado no mesmo período do ano passado, revelaram dados divulgados pela CEF (Caixa Econômica Federal) nesta quinta-feira (22).

O resultado decorre de uma arrecadação de R$ 29,7 bilhões, após alta de quase 10% frente ao mesmo período do ano passado, e saques de R$ 23,9 bilhões, uma diminuição de 3,7%.

PUBLICIDADE

As demissões sem justa lideraram os motivos para a retirada do fundo, com quase 64% de participação, seguidas por uso para compra de imóvel, com 14%, e aposentadoria, com 13%.

Empregador e beneficiários
O número de empresas contribuintes do fundo dos trabalhadores também registrou número recorde no período, chegando a 2,7 milhões em junho.

Já o número de trabalhadores beneficiados com uma conta vinculada ao FGTS chegou a 32,4 milhões no sexto mês deste ano, outro recorde.