Pesquisa Datafolha

Falta de tempo e cansaço atingem 7 em cada 10 brasileiras

Mesmo assim, 91% das entrevistadas afirmaram que seu trabalho fora de casa é fundamental para sua vida

SÃO PAULO – Uma pesquisa do Datafolha divulgada nesta quinta-feira (13) revela que 7 em cada 10 mulheres que têm trabalho remunerado afirmam que falta tempo no dia a dia. Ainda, 75% acredita a conciliação de trabalho e afazeres domésticos deixa sua rotina extremamente cansativa.

Quando perguntadas o que faltava tempo em sua rotina, cuidar de si mesmas foi a resposta mais citada, com 58%. Ficar com a família ou/e filhos e ter um tempo para se divertir foram outras reclamações, para 46% e 42%, respectivamente.

Mesmo assim, 91% das entrevistadas afirmaram que seu trabalho fora de casa é fundamental para sua vida. Apenas 5% discordaram e 4% não souberam responder. A pesquisa também aponta que nos últimos dez anos, entre 2002 e 2012, pulou de 34% para 43% o percentual de mulheres no mercado de trabalho.

PUBLICIDADE

Homem como provedor, mas não mais importante
Mais da metade das mulheres afirmaram que o homem continua sendo o principal provedor da casa, mas 73% discordam que seu trabalho é mais importante que o emprego delas. Ainda, mais de 60% disseram que ganham menos que o homem, sendo que na classe D, esse índice salta para 71%.

“As alterações ocorridas no mundo do trabalho, como demonstra a pesquisa, não levaram a mudanças significativas na divisão sexual do trabalho. O que se observa é que essa divisão do trabalho permanece, produzindo consequências que afetam diretamente as mulheres, que continuam como as principais responsáveis pelos afazeres domésticos e cuidados com os filhos”, avalia a pesquisadora Maria Betânia Ávila, do SOS Corpo.

Metodologia
Foram entrevistadas 800 mulheres de todas as classes sociais em nove capitais brasileiras, além de Brasília, com idade entre 18 e 64 anos e que possuíam algum tipo de trabalho remunerado. A pesquisa foi realizada entre junho e julho de 2012.