Etiqueta: dicas para ser educado e passar uma boa imagem!

Ações comuns como dizer "oi" e dar um beijo de cumprimento, somente com pessoas íntimas; nada de roupas extravagantes!

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Tripulantes de navios, diplomatas e garçons. O que estes profissionais têm em comum? A necessidade de passar por aulas de etiqueta para não passar por situações constrangedoras na carreira.

Ter uma boa postura e saber como reagir em diversas circunstâncias abrem muitas portas para os profissionais. Muitas vezes, as pessoas cometem gafes e sequer percebem. Com isso, tanto a imagem do funcionário como a da empresa que representa ficam prejudicadas.

Bom senso é fundamental

De acordo com a consultora em etiqueta e marketing pessoal Ligia Marques, é preciso manter o bom senso, tanto em um piquenique como em um jantar de negócios.

Aprenda a investir na bolsa

“As pessoas têm que ser agradáveis, escolher bem os assuntos que abordarão, o tom de voz, as roupas. Nada pode ser forçado”, afirmou ao Diário do Comércio, periódico da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

Dicas

E, para que você não passe por nenhuma circunstância desagradável, veja abaixo as dicas dadas pela consultora:

  • Apresentação: Ao ser apresentado, diga “como vai?”, “muito prazer!”, “tudo bem?”. O “oi” cabe apenas em cumprimentos jovens e informais;
  • Beijo: Beijo no rosto somente com os mais íntimos. A iniciativa cabe às mulheres;
  • Tratamento: “Senhor” e “senhora” são sempre desejáveis, a menos que a pessoa se incomode. Se esquecer o nome de alguém, diga que sua memória não anda muito boa e pergunte;
  • Conversas: Falar alto é deselegante, bem como interromper. Mulheres dizem “obrigada” e homens, “obrigado”. Nada de tratar as pessoas como “querida”, “benzinho”, o que dá um ar de ironia;
  • Roupas: Para as mulheres, nada de decotes, minissaias, barriga de fora, jeans rasgado e extravagância. Para os homens, discrição e nada de mangas curtas.