exaustão

Estagiário do Bank of America morre após trabalhar 72 horas seguidas

Moritz Erhardt estudava na Universidade de Michigan e aproveitou as férias de verão para estagiar no escritório do banco em Londres

SÃO PAULO – Um estagiário do Bank of America morreu após trabalhar por 72 horas praticamente sem descanso. Moritz Erhardt, de 21 anos, estudava na Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, e aproveitou as férias de verão para estagiar no escritório do banco em Londres. Faltava menos de uma semana para o estágio ser concluído.

Segundo informações do The Independent, Erhardt trabalhou três dias seguidos e, logo depois de ter ido para casa, foi encontrado morto no chuveiro por um colega de quarto de seu alojamento. Os relatos são de que o jovem teria tido um ataque epilético durante o banho.

Trabalhar muito além do horário permitido é comum para estagiários e profissionais que trabalham em instituições financeiras. Um ex-banqueiro que preferiu não se identificar afirmou ao site que os estagiários costumam trabalhar 14 horas por dia, chegando a 110 horas por semana.

PUBLICIDADE