Especialista analisa o momento ideal para fazer uma pós-graduação

"Nunca faça uma pós-graduação ou MBA só porque já trabalha naquele segmento", aconselha especialista

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – “Escolher quando fazer uma pós-graduação é tão importante quanto decidir que curso fazer e onde cursá-lo”, afirmou Celina Beatriz Gazeti, especialista em gestão de talentos da Vox Solutions, uma empresa do CLIV Solution Group.

Ao ser questionada sobre se é positivo cursar uma pós-graduação logo após o término da faculdade, ela recomenda ao recém-formado que não se impressione com o apelo da mídia e os modismos, ou ainda com a pressão para “arrumar um emprego”.

“Somente se decida por uma especialização quando souber, realmente, o que deseja para sua vida profissional”, disse, em referência às inúmeras opções de segmentos existentes em cada área de atuação.

Você sabe o que quer de sua vida?

Aprenda a investir na bolsa

Para Celina, se o recém-formado nunca trabalhou, não tem experiência alguma e parte para uma pós-graduação, faz pouca diferença, já que continuará alimentando somente o conhecimento teórico. “Vale a pena pensar em fazer pós-graduação imediatamente à graduação quando o estudante já fez estágios, está inserido no mercado de trabalho e, acima de tudo, tem certeza da área em que deseja se especializar”, garante.

A especialista lembra que é fundamental ter equilíbrio entre os estudos e o trabalho. “Não é nada produtivo fazer um curso depois do outro sem ter experiência. Trabalhar em boas empresas pode fornecer subsídios para que o recém-formado consiga fazer as melhores escolhas, não só quanto aos cursos de complementação e especialização, mas principalmente com relação à área de atuação, o que é o mais importante”.

É essencial ainda, para os novatos, compensar a falta de experiência profissional, ao cursar a pós. “Caso decida cursar a pós-graduação imediatamente à graduação, lembre-se de compensar a falta de experiência com a energia, a curiosidade e a gana, próprias do recém-formado. Fique de olho no networking estabelecido no curso para conseguir oportunidades de trabalho”, aconselha.

Dicas para impulsionar a carreira

Celina finaliza com uma série de dicas para impulsionar sua carreira:

  • Faça o que gosta e faça com paixão;
  • Preste atenção a sua volta, aprenda com os acertos e, principalmente, com os erros dos outros;
  • Seja ético;
  • PUBLICIDADE

  • Esteja disponível e se faça notar;
  • Planeje o futuro;
  • Leia tudo que cair em suas mãos;
  • Desenvolva a competência da inter-relação. Esta é uma competência universal;
  • Escolha um mentor;
  • Busque o auto-conhecimento, permanentemente;
  • Aprimore seu inglês, estude espanhol e esforce-se para aprender mandarim (os chineses tomarão conta do mercado!);
  • Não deixe de estudar, faça cursos de extensão, cursos livres e participe de grupos de estudos;
  • PUBLICIDADE

  • Nunca faça uma pós-graduação ou MBA só porque já trabalha naquele segmento. Você tem tempo e é agora, no início da carreira, que deve buscar se especializar naquilo que faz melhor e no que gosta de verdade;