Escassez de talentos é problema de empresas de todo o mundo

Pesquisa mostra que 65% das empresas mundiais reportam problemas em atrair funcionários com habilidade crítica

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O problema de escassez de talentos não é apenas brasileiro. Um estudo realizado pela consultoria Towers Watson revelou que a maioria das empresas de todo o mundo tem dificuldades em atrair os profissionais talentosos, os quais precisam ajudar as companhias a prosperar em um momento de economia fraca.

A pesquisa, realizada com 1.176 empresas em todo o mundo, também mostrou que a maioria das empresas teve efeitos colaterais pelo corte de custos durante a recessão, como na jornada de trabalho dos profissionais, na habilidade deles de gerenciar estresse relacionado aos colegas e no engajamento dos funcionários e na capacidade de eles balancearem vida pessoal e profissional.

Como resultado, as empresas de todo o mundo estão recalculando os benefícios dos funcionários e os programas de talentos, bem como estão planejando como atrair, reter e motivar estes profissionais.

PUBLICIDADE

Os dados
De acordo com a pesquisa, 65% das empresas globalmente reportaram problema em atrair funcionários com habilidade crítica. Outras 61% afirmaram ter dificuldade em atrair profissionais tops e 21%, em manter esses empregados.

“O clima de negócios certamente afetou a oferta e a demanda por talentos, bem como a habilidade das companhias em atrair e contratar esses profissionais”, disse a líder global de Recompensas da Towers Watson, Laura Sejen.

Quando perguntadas sobre as prioridades na gestão dos talentos, 62% das empresas responderam assegurar a disponibilidade deles em momentos críticos e 60%, aumentar os investimentos para construir talentos dentro da companhia, sendo que apenas 51% responderam criar oportunidades para eles.