Em carreira / emprego

10 profissões em que as mulheres ganham mais do que homens no Brasil

As mulheres ganham menos em 85% das profissões 

mulheres
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A desigualdade salarial entre homens e mulheres é gritante. Das 2.059 profissões listadas na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), apenas em 15% as mulheres ganham mais que os homens. De acordo com uma pesquisa do IBGE, os homens ainda ganham 26% a mais que as mulheres.

A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) compilou algumas dessas profissões listadas na CBO para mostrar a diferença salarial entre homens e mulheres considerando profissionais que atuam nas diversas áreas. 

Em algumas raras profissões, as mulheres chegam a ganhar mais que o dobro dos homens. Um exemplo é a atividade de técnico em optica e optmetria, onde a diferença chega a 67,4%. 

Elas também têm salários maiores em algumas áreas historicamente vistas como femininas, como secretária bilíngue, babá e assistente social. As diferenças chegam a 24,3% e 11,7%, respectivamente. 

Uma outra pesquisa sobre os profissionais de Mídias Sociais, chamada de “O Profissional de Inteligência em Mídias Sociais no Brasil”, realizada em 2018, revela que, nesta área, elas têm salários 11% maiores.

Confira o top 10 profissões em que os salários das mulheres são maiores do que os dos homens, segundo a Fipe: 

Profissão  Quantidade de Homens no país Salário médio dos homens  Quantidade de mulheres no país  Salário médio das mulheres  Diferençasalarial (favorável para as mulheres)
1. Técnico em optica e optometria  2.122 R$ 2.452 3.602 R$ 6.991 185,1%
2. Taquígrafo  3.035 R$1.762 2.049 R$5.008 184,1%
3. Secretário bilíngue  1.531 R$2.300 7.148 R$3.849 67,4%
4. Porteiro de locais de diversão  30.214 R$1.549 6.598 R$2.446 57,9%
5. Chaveiro 2.735 R$1.354 206 R$2.133 57,5%
6.Músico arranjador  1.099 R$3.559 297 R$5.575 56,7%
7. Professor de enfermagem de curso superior  796 R$5.100 3.016 R$6.870 34,7%
8.Professor de nível médio na educação infantil  11.584 R$2.285 188.192 R$3.035 32,8%
9. Professor em línguas estrangeiras modernas  649 R$1.686 1.211 R$2.194 30,1%
10. Músico intérprete cantor 681 R$2.447 304 R$3.157 29%

No entanto, mesmo existindo casos em que a remuneração é mais alta, a relação não se reflete em relação aos cargos ocupados.

“Aprofundar a pesquisa na questão de gênero foi muito importante. Apesar das mulheres estarem ganhando mais em algumas áreas, elas ainda não ocupam cargos de chefia, e isso precisa ser mudado. Em algumas situações, elas têm mais experiência e maior escolaridade”, afirma Pedro Barreto, coordenador da pesquisa.

Um levantamento feito pelo Fórum Econômico Mundial apontou que se mantidas as tendências atuais, a equidade salarial entre homens e mulheres só será plenamente alcançada daqui a 202 anos. “Nós precisamos estar mais atentos aos dados, e é importante que façamos pesquisas, cada vez mais, mostrando essas diferenças, para que possamos mudar com mais rapidez o ambiente de trabalho”, diz Barreto.

Invista melhor seu dinheiro. Abra uma conta na XP - é de graça.

 

Contato