Emprego: crescimento do setor de turismo gera oportunidades. Aproveite!

Estudo do Ipea mostra que, em quatro anos, houve acréscimo de 235 mil vagas, o que representou um aumento de 14,4%

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O setor de turismo tem motivos para comemorar: ao longo dos últimos anos, o dólar baixo propiciou mais viagens internacionais e os cruzeiros marítimos se tornaram atração nacional. Mas quem sai ganhando com esse momento positivo são os profissionais do setor, que têm visto as oportunidades de emprego crescerem.

Estudo realizado por Margarida Hatem Pinto Coelho, pesquisadora do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), mostrou que, em quatro anos, houve acréscimo de 235 mil ocupações no turismo, o que representou um aumento de 14,4% do total de empregos no setor, avanço maior do que o registrado pelo PIB (Produto Interno Bruto), de 14% no mesmo período.

Um dado negativo é com relação à informalidade, que equivalia a 1,102 milhão dos empregos no setor em 2006, ou 59% do total.

Análise regional

Aprenda a investir na bolsa

Entre as regiões brasileiras, o desenvolvimento do setor é bastante distinto. Em 2006, o Sudeste respondia por 44% das ocupações, seguido pelo Nordeste (28%), Sul (15%), Norte (7%) e Centro-Oeste (6%). Em relação ao crescimento na ocupação, o destaque ficou com o Norte, com alta de 47%, e com o Sul (+23%).

“A evolução do mercado de trabalho do turismo em regiões como Nordeste, Norte e Sul, por exemplo, demonstram que o setor tem contribuído para o crescimento da economia dessas regiões”, diz a pesquisa.

Os dados ainda mostram que há um predomínio da ocupação informal no setor de turismo em todas as regiões, e o seu ritmo de crescimento é maior do que o do emprego formal. Para o aumento da ocupação de 14,4% no ano de 2006, a informalidade contribuiu com um avanço superior, de 16%.

Atividades que mais empregam

De acordo com o estudo, Transportes e Alimentação foram as atividades que mais empregaram em 2006, com, respectivamente, 747,5 mil e 626 mil empregos criados, seguidos por Alojamento, com 242,6 mil vagas.