Dívidas no banco

Eike vende mais uma empresa, mas usa dinheiro para pagar Bradesco e Itaú

A mineradora de ouro AUX, que nunca chegou a ter o capital aberto na Bovespa, foi vendida para investidores do Qatar

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Os dois maiores bancos privados brasileiros vão receber uma boa quantia em breve: US$ 400 milhões deverão ir para o bolso de Itaú Unibanco e Bradesco – e uma parte irá para o Mubadala, fundo soberano de Abu Dhabi. Quem vai assinar o cheque é Eike Batista, que acaba de vender mais uma empresa para quitar dívidas. 

A mineradora de ouro AUX, que nunca chegou a ter o capital aberto na Bovespa, foi vendida para investidores do Qatar, de acordo com informações do blog Radar On-line, de Lauro Jardim. Eike comprou a empresa em 2011, pagando US$ 1,5 bilhão por ela. Bradesco e Itaú, dois dos maiores credores do grupo EBX, haviam contribuído com US$ 1,4 bilhão.  

Os últimos dias não tem sido fáceis para o megaempresário. Recentemente, a justiça mandou bloquear R$ 1,5 bilhão de suas contas bancárias, alegando problemas com a cláusula de put que o obrigava a pagar US$ 1 bilhão para a OGX quando a empresa quisesse se capitalizar. A diretoria da OGX chegou a solicitar o valor, mas Eike contestou e acabou não cumprindo o contrato. 

PUBLICIDADE