Em carreira / educacao

Governo Temer deve proibir abertura de novos cursos de medicina

Segundo o MEC, o número de vagas abertas em medicina saltou de 19 mil em 2013 para 31 mil no ano passado  

Médico/Medicina
(Shutterstock.com)

SÃO PAULO - O governo de Michel Temer deve decretar uma moratória para impedir a abertura de novos cursos de medicina no país por 5 anos, segundo a colunista da BandNews FM Mônica Bergamo. A decisão foi tomada no fim de 2017, mas teria sido postergada devido à pressões políticas e corporativas.

Segundo a colunista, a portaria será assinada na quinta-feira (5) pelo ministro da Educação, Mendonça Filho. “Houve uma expansão muito grande na abertura de cursos de medicina. É preciso puxar o freio de mão para um balanço e para que possamos garantir a qualidade do ensino na área”, disse o ministro à Bergamo. 

Segundo o MEC (Ministério da Educação), o número de vagas abertas em medicina saltou de 19 mil em 2013 para 31 mil no ano passado. 

Quer fazer seu dinheiro render mais? Clique aqui e abra uma conta na Rico 

 

Contato