Em carreira / educacao

Fundação espanhola oferece 648 bolsas de estudo - e brasileiros podem concorrer

Bolsas são oferecidas exclusivamente para estudantes ibero-americanos

Espanha
(Shutterstock.com)

SÃO PAULO – A Fundação Carolina na Espanha está oferecendo 648 bolsas de estudos de pós-graduação, doutorado e outras modalidades para estudantes ibero-americanos. Essa é a 18ª edição do programa.

Todas as bolsas são referentes ao ano letivo 2018-2019, que se inicia em setembro deste ano. Cada modalidade tem um número diferente de bolsas oferecidas, sendo a pós-graduação a que concentra a maioria, 376. Doutorado (135), pós-doutorado de curta duração (60), mobilidade de professores brasileiros (24), mobilidade de professores portugueses (15) e projetos de empreendimento (2).

As 36 bolsas restantes são para o programa do CESEDEN (Centro Superior de Estudos da Defesa Nacional da Espanha).

No caso da pós-graduação, os programas contemplam seis áreas diferentes: ciências e novas tecnologias; energia, meio ambiente, sustentabilidade e infraestruturas; ciências da saúde; economia e finanças, organização empresarial e desenvolvimento; ciências sociais e jurídicas; e artes, humanidades e comunicação. Cada área conta com inúmeros programas diferentes – no total, são 186.

Os prazos de candidatura para os programas difere de acordo com a modalidade. As bolsas para pós-graduação, projetos de empreendimento e estudos institucionais devem ser solicitadas até o dia 20 de março; os demais programas tem como prazo final o dia 7 de abril.

De acordo com o site da Fundação, o número de bolsas oferecidas pode aumentar nos próximos dias devido a “várias renegociações nos cursos”.

 

Contato