Disciplina e foco estão entre as qualidades dos escolhidos para trabalhar de casa

Melhor equilíbrio entre vida pessoal e profissional é principal benefício do home office, ressaltam especialistas

SÃO PAULO – Apesar de ainda ser pouco comum no Brasil, o home office já vem sendo adotado por algumas empresas, que o utilizam para departamentos específicos ou para alguns profissionais.

Neste segundo caso, conforme explicam especialistas ouvidos pelo portal InfoMoney, características como disciplina e foco em resultados contribuem para que a empresa dê o privilégio para determinado profissional.

“O profissional precista ter boa gestão do tempo, disciplina, organização e foco em resultados”, ressalta o headhunter e professor de gestão de RH (Recursos Humanos) da Veris Faculdades, Cristiano Luiz Rosa.

PUBLICIDADE

A gerente executiva da Ricardo Xavier Recursos Humanos, Priscilla Telles, concorda e acrescenta: “não é todo mundo que tem o perfil para trabalhar com home office (…) Este profissional, muito mais do que outros, precisa ser comprometido, automotivado e ter alta produtividade”.

Home office
No geral, explica Luiz Rosa, as empresas adotam o home office por conta do menor custo, no que se refere à infraestrutura e pelo fato de que isso diminui os gastos com pessoal, visto que é necessário um quadro efetivo menor de funcionários para dar suporte à equipe, por exemplo.

Para o profissional, completa Priscilla, trabalhar em casa permite um melhor equilíbrio entre vida pessoal e profissional, já que a pessoa consegue administrar melhor a rotina doméstica e o trabalho.

Por outro lado, alerta, quem trabalha em casa deve se policiar para não deixar que a vida doméstica atrapalhe a produtividade. Assim, aconselha, é interessante que a pessoa trabalhe em um ambiente adequado, isolado de barulho e crie uma rotina profissional.

Além disso, lembra o professor da Veris, é importante manter o contato com os colegas da empresa, uma vez que no mundo atual é essencial ter um bom networking. Neste sentido, aconselha, o profissional deve procurar comparecer a happy hours, bem como não faltar às reuniões da empresa, por exemplo.

Líder
No que diz respeito ao líder, finaliza a gerente executiva da Ricardo Xavier, é imprescindível que ele seja transparente com a equipe, colocando de forma clara os motivos que levaram um e não outro profissional a ser convidado para trabalhar de casa, evitando assim ciúmes entre os colegas de trabalho.