Dinâmica de grupo: falar demais pode prejudicar desempenho

Falar demais pode significar falar besteira! Por isso, diga somente o necessário e no tempo proposto pelo selecionador

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Muitos profissionais dividem a opinião de que a dinâmica em grupo é o momento em que o candidato deve mostrar todo o seu potencial. Apesar de ser verdade, deve-se ter cuidado para não exagerar.

No intuito de mostrar o que sabem e o que já fizeram ao longo da carreira, alguns candidatos acabam por falar mais do que o necessário e o resultado disso não é positivo.

Sinal de egocentrismo

Quando falam demais, os candidatos tiram a oportunidade de exposição dos concorrentes. Isso pode ser interpretado de maneira negativa pelo selecionador presente no processo, que o achará um tanto quanto egocêntrico.

PUBLICIDADE

Você não precisa aparecer a todo o momento, mas falar as coisas certas na hora certa, ou seja, na hora em que for se apresentar e quando precisar expor a atividade realizada. Na hora da exposição, fale apenas o relevante.

De que adianta falar que você trabalhou durante uma semana em uma empresa? Será que foi algo que acrescentou muito em sua carreira? E quem quer saber sobre sua família?

Timidez disfarçada

Quando for à entrevista, não confunda pró-atividade com tagarelismo. Não tente mostrar que é uma pessoa dinâmica e aberta a novos conhecimentos e acabe por expor demais suas idéias. Com isso, você poderá até mesmo se confundir.

Essa conduta é bastante usada por pessoas extremamente tímidas e que, para conseguir a vaga tão desejada, tentam vender uma imagem de um candidato extrovertido e acabam por exagerar na dose.

Falar demais pode significar falar besteira. Na apresentação, limite-se a dizer quem você é, o que faz e o que já fez. Na exposição sobre a empresa, se tiver dúvidas, pergunte somente o que for necessário para aquele momento. Já nas atividades propostas, evite brincadeiras, o que significa que você levará seu trabalho a sério.