Mercado de trabalho

Desemprego na Grande São Paulo sobe para 11,4% em março, informa o Dieese

No mês passado, o total de desempregados foi estimado em 1,246 milhão de pessoas, 108 mil a mais do que em fevereiro

arrow_forwardMais sobre

A taxa de desemprego na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) subiu para 11,4% em março, ante 10,5% em fevereiro, mostra Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) da Fundação Seade e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). A taxa de desemprego, contudo, foi praticamente a mesma observada em março de 2014 (11,5%).

 

No mês passado, o total de desempregados foi estimado em 1,246 milhão de pessoas, 108 mil a mais do que em fevereiro. Esse resultado decorreu do crescimento de 0,9% da População Economicamente Ativa (PEA), após 96 mil pessoas passarem a fazer parte da força de trabalho na região, e da relativa estabilidade do nível de ocupação, estimado em 9,684 milhões de pessoas, 12 mil a menos do que em fevereiro (queda de 0,1%).

PUBLICIDADE

 

A redução do nível de ocupação foi observado principalmente nos setores de Comércio e Reparação de Veículos Automotores e Motocicletas (-2,4%, equivalente a eliminação de 41 mil postos de trabalho), Construção (-1,5%, ou 10 mil vagas eliminadas) e na Indústria de Transformação (-0,7%, ou 12 mil postos fechados). No setor de Serviço, houve crescimento de 0,7% , com a geração de 41 mil postos de trabalho em março.