Desempenho em entrevista é fator decisivo para garantir emprego

Contratação de novo membro na equipe depende, prioritariamente, do bom desempenho e das competências de cada candidato

SÃO PAULO – Recente pesquisa realizada pela Catho Online apontou que a contratação de novos profissionais depende principalmente do desempenho deles na entrevista. De acordo com o estudo, o item foi o mais mencionado pelos executivos entrevistados, alcançando o primeiro lugar do ranking, com 7,5 pontos.

Já em segundo e terceiro lugares se destacaram itens como as competências comportamentais e a experiência técnica anterior. A primeira atingiu uma pontuação de 7,3, enquanto que a segunda alcançou 6,7 pontos, detalha o estudo, realizado com 46.067 participantes.

Redes sociais
Foram avaliados ainda tópicos como a formação acadêmica, a reputação das empresas trabalhadas, as atividades extracurriculares e até mesmo o perfil dos usuários nas redes sociais. Aliás, foi justamente este último item o que mais surpreendeu.

PUBLICIDADE

O comportamento dos candidatos nas redes sociais, os trabalhos voluntários e a fluência em outros idiomas são os últimos itens da lista, tendo um menor impacto na decisão de contratar um profissional, informa a pesquisa.

Neste quesito, por exemplo, as médias atingidas foram de, respectivamente, 3,1, 2,9 e 2,5 pontos.

Avaliação criteriosa
Para não errar na escolha e avaliar os candidatos da melhor maneira possível, muitas empresas têm investido na realização de mais de uma entrevista no processo de seleção.

De acordo com a pesquisa, por exemplo, cerca de 48% dos profissionais passaram por, ao menos, duas entrevistas na fase de seleção – número que pode aumentar conforme o porte da empresa. “Quanto maior o porte, maior a quantidade de entrevistas as quais um candidato pode ser submetido”, explica a Catho.

E acredite, tanto critério tem explicação: evitar o erro, afinal, tempo é dinheiro e uma escolha inadequada pode trazer prejuízos. “Às vezes, um profissional pode ser perfeito para uma oportunidade, mas não se encaixar tão bem em outra, por isso, observamos essa preocupação com as diversas etapas de uma entrevista, que normalmente é decisiva para a contratação”, diz o diretor de marketing da Catho Online, Adriano Meirinho.

O estudo
A Pesquisa dos Executivos 2011 considerou uma escala de referência de 0 a 10 e contou com a participação de 46.067 pessoas, que responderam a um formulário on-line com 249 perguntas no mês de abril desse ano.