De estagiário a diretor: veja os salários pagos na área administrativa em SP e RJ

Segundo pesquisa da Catho, entre os gerentes paulistas, o salário é de R$ 8.259, enquanto entre os fluminenses é de R$ 7.398

SÃO PAULO – Um profissional que trabalha em São Paulo como diretor administrativo ganha R$ 20.751. Já no Rio de Janeiro, o valor é um pouco menor, de R$ 18.362. É o que revela a 37ª Pesquisa Salarial e de Benefícios da Catho Online, divulgada nesta semana.

Entre os gerentes paulistas, o salário é de R$ 8.259, enquanto que entre os fluminenses é de R$ 7.398. Já os coordenadores, supervisores ou chefes administrativos ganham R$ 4.225 e R$ 3.785, em cada região.

Ao analisar os cargos de analistas, os seniores, em São Paulo, recebem R$ 3.799, os plenos, R$ 2.976, e os juniores, R$ 2.241. No Rio de Janeiro, os valores são de R$ 3.446, R$ 2.699 e R$ 2.032, respectivamente.

PUBLICIDADE

O levantamento indicou ainda os salários de trainee, assistente, auxiliar e estagiário. Confira abaixo:

Salários na área administrativa
Cargo

 Salário – SP

 Salário – RJ
Diretor Administrativo R$ 20.751R$ 18.362
Gerente AdministrativoR$ 8.259R$ 7.398
Coordenador, Supervisor ou Chefe AdministrativoR$ 4.225R$ 3.785
Analista Administrativo SêniorR$ 3.799R$ 3.446
Analista Administrativo PlenoR$ 2.976R$ 2.699
Analista Administrativo JúniorR$ 2.241R$ 2.032
Trainee AdministrativoR$ 1.743R$ 1.601
Assistente AdministrativoR$ 1.482R$ 1.379
Auxiliar AdministrativoR$ 1.047R$ 974
Estagiário AdministrativoR$ 867R$ 807

Retenção de talentos
Para o diretor da Pesquisa Salarial, Marco Soraggi, os resultados são reflexo do mercado, por isso, auxiliam a estabelecer uma política salarial competitiva para reter e atrair talentos, além de administrar custos relacionados à remuneração e implementar um plano de cargos e salários com eficiência.

“Há mais de 10 anos que realizamos a pesquisa e percebemos que é algo que realmente facilita as negociações salariais nas organizações. Além disso, estamos muito satisfeitos, pois esta edição traz um número recorde de cargos e áreas de atuação profissional. São 1.935 cargos com dados detalhados de salários e benefícios”, diz.

Sobre a pesquisa
O levantamento é atualizado a cada três meses e contém dados de 1.935 cargos, de 223 áreas de atuação profissional e de 48 ramos de atividade econômica, de 21 estados brasileiros. A pesquisa possui metodologia exclusiva, pois é a única pesquisa salarial respondida pelos empregados, não pelos empregadores. Nesta edição, ela contou com mais de 210.500 respondentes, de mais 20.100 empresas em 3.700 cidades de todo o Brasil.