Crise?

Conheça o setor que tem mais vagas que profissionais no Brasil

Gerando 1,3 milhão de empregos, vagas na área demoram até 70 dias para serem preenchidas

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Crise? Não para o setor de Tecnologia da Informação (TI), dizem os dados da consultoria Catho. De acordo com a empresa, o número de vagas no setor aumentou 44,2% em 2015, ano marcado por fechamentos de vagas em todos os setores e recessão econômica – segundo o IBGE, no terceiro trimestre de 2015 o índice de desemprego subiu para 8,9%.

Segundo a Brasscom, Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação, o mercado nacional emprega, atualmente, 1,3 milhão de profissionais de TI e até 2016 esse número deve aumentar em 30%. Além disso, há mais de 50 mil postos de trabalho desocupados para estes profissionais – que ganham salários de até R$20 mil.

Em setembro, o Caged (Cadastro geral de empregos e desempregados) divulgou que, na área de TI, o número de contratações supera o de demissões, e que o setor deve apresentar crescimento de 7,3% em 2015. O principal responsável pelo efeito é a cidade de São Paulo.

PUBLICIDADE

Além disso, um estudo da Softex projeta um déficit de 400 mil profissionais no Brasil até 2022 e mostra que, atualmente, empresas demoram até 70 dias para preencherem suas vagas em TI, como reflexo da falta de profissionais na área. Para quem quer seguir a profissão, as opções são graduações tradicionais na área de engenharia ou cursos técnicos em tecnologia de informação.