Carreira

Cinco dicas para se sair bem nas reuniões de negócios em línguas estrangeiras

Mesmo aqueles que são fluentes em outra língua estrangeira, acabam se atrapalhando em reuniões consideradas estratégicas

SÃO PAULO – Algumas reuniões de negócios são conhecidas por alavancar carreiras de executivos que possuem o dom da oratória e persuasão. No entanto, quando a língua falada não é a nativa, a tensão nos encontros corporativos fica maior.

Mesmo aqueles que são fluentes em outra língua estrangeira, acabam se atrapalhando em reuniões consideradas estratégicas, que exigem outro idioma. Segundo o diretor superintendente da Fundação Fisk, Elvio Peralta, essa situação é comum porque muitos não estão preparados, seja pelo nervosismo ou por falta de conhecimento dos jargões do universo corporativo.

Confira abaixo cinco dicas que podem te ajudar na hora de uma reunião em outra língua:

PUBLICIDADE

1- Conhecimento
Se você não sabe o significado da palavra, não a utilize em contexto algum, pois pode soar muito mal. “O erro de muitos profissionais é empregar erroneamente palavras que não conhece”, explica.
Por exemplo, entre as expressões mais conhecidas do inglês e que costumam causar confusão estão: approach = abordagem; budget = orçamento; business plan = plano de negócios; core business = principal negócio da empresa; deadline = prazo final; expertise = conhecimento em determinado mercado; feedback = retorno; gap = lacuna; hands-on = participação ativa; know-how = conhecimento; skills = habilidades; target = público-alvo, entre outras.

2- Frases curtas e claras
Outra forma para driblar o nervosismo e a barreira do idioma é optar por frases curtas, pois fica mais difícil de se atrapalhar.

3- Recursos visuais
As apresentações com slides, infográficos, vídeos e amostras físicas de produtos também são grandes aliadas, pois facilitam na transmissão da mensagem, principalmente quando há a necessidade de fazer comparações e demonstração de dados estatísticos em outro idioma. Além disso, em alguns casos, podem ser utilizadas imagens e ícones, sem a necessidade de tradução do significado.

4- Conference call
Hoje, com a internet e o telefone fixo ou móvel é possível realizar reuniões com o mundo inteiro sem precisar sair do lugar. A conference call é perfeita para driblar nervosismo, evitar atrasos e otimizar tempo, além de facilitar no caso de ser necessária uma pesquisa rápida.

5- Trabalho em equipe
Em reuniões mais estratégicas o ideal é que o profissional sempre leve mais alguém da equipe com o mesmo nível do idioma ou superior, para sentir-se mais seguro e autoconfiante. Mas atenção, o companheiro deve ter domínio da língua em questão, para que os dois trabalhem em equipe, um completando o outro.