Problema diferente

Cidade na Nova Zelândia com empregos demais e casas sobrando busca novos habitantes

A cidade conta com moradias com preços atrativos e procura pessoas para viver nela

SÃO PAULO – O desemprego é um problema em muitos lugares do mundo, inclusive no Brasil. No entanto, ele não parece afetar a cidade de Kaitangata, na Ilha do Sul na Nova Zelândia, aponta reportagem do site da inglesa BBC.

De acordo com a matéria, a cidade conta com um problema diferente: muitas casas com preços atrativos e falta de pessoas para viver nelas. “Agora, os moradores estão tentando convencer pessoas que moram nas cidades mais caras do país a se mudar para lá. Cerca de 800 pessoas moram em Kaitangata. No local, há uma escola de ensino fundamental, um bar e uma pizzaria”, aponta a reportagem da BBC.

Na semana passada, a loja de conveniência da cidade teve que fechar suas portas porque seus donos se aposentaram. A administração do município se aliou a empresários para trazer vantagens para novos moradores, como descontos nos custos para comprar propriedades ou novas oportunidades de trabalho.

PUBLICIDADE

A BBC ainda comenta que em grandes cidades do país, como Auckland, o desemprego é maior e a moradia é mais cara. No entanto, a região de Clutha, onde fica a cidade de Kaitangata, há cerca de mil postos de trabalho disponíveis.