MERCADOS AO VIVO EUA criam 307 mil vagas no setor privado em novembro, abaixo do esperado, mostra relatório ADP

EUA criam 307 mil vagas no setor privado em novembro, abaixo do esperado, mostra relatório ADP

Pegam mal

Chefes listam os 10 hábitos mais irritantes dos funcionários no escritório

Chegar atrasado ou citar jargões motivacionais pegam nada bem com os chefes

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O que mais lhe irrita no trabalho? São os jargãos motivacionais citados por quase todos seus colegas e gestores, como “pense fora da caixa”, ou hábitos pouco agradáveis como chegar atrasado às reuniões?

De acordo com uma pesquisa do ILM (Institute of Leadership & Management), feita com 2 mil gestores, tanto os jargões quanto os maus hábitos dos funcionários irritam – e muito – esses profissionais.

Uma das principais queixas é o atraso em reuniões, citado como o hábito mais irritante por 65% dos gestores. Outro hábito pouco agradável é enviar um e-mail em vez de falar diretamente com a pessoa, quando ela está próxima ao funcionário.

Aprenda a investir na bolsa

O diretor-executivo do ILM, Charles Elvin, sugere que os profissionais devem repensar em suas atitudes no escritório, onde passam grande parte do dia. “Vemos que questões aparentemente triviais podem crescer desproporcionalmente, se não controladas. Elas podem começar a causar ressentimentos e conflitos na própria empresa”, afirmou Elvin.

Hábitos detestáveis
Se você não quer ser um profissional irritante, veja o que não fazer no escritório:

1. Chegar atrasado às reuniões, eventos e na própria empresa (65%)

2. Deixar pratos e outros objetos sujos sobre a mesa após o almoço (63%)

3. Fofocar sobre os colegas do trabalho (60%)

4. Falar abertamente assuntos confidenciais da empresa (54%)

PUBLICIDADE

5. Mandar um e-mail para alguém próximo a você ( 56%)

6. Deixar o celular tocar alto (42%)

7. Fazer intervalos espaçados para fumar (39%)

8. Ir trabalhar doente, quando deveria ficar em casa (34%)

9. Levar os filhos pequenos ao trabalho (27%)

10. Falar jargões como “pense fora da caixa” ou “vamos manter contato” e outras citações típicas.

O que fazer?
Segundo o site Daily Mail, o levantamento pretende estimular pessoas a cultivarem bons hábitos ambiente de trabalho. Uma das dicas para ser um funcionário “nota 10” é utilizar menos o e-mail para se comunicar no escritório. O diretor-executivo do ILM afirma que os e-mails podem ser “impessoais e pouco claros” e que muitos assuntos podem ser tratados melhor por telefone ou pessoalmente.