Certificação é requisito para conseguir emprego em TI, mas poucos a obtêm!

Profissional de TI é um dos mais valorizados do mercado de trabalho, por isso, deve se atualizar sempre

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Um mercado de trabalho bastante promissor no Brasil é o de tecnologia. Nesta área, sobram vagas e faltam profissionais qualificados. A realidade é um indicativo de que, para ter sucesso nesta carreira, não basta ter afinidade com a tecnologia, mas se especializar.

“O profissional de TI é um dos mais valorizados do mercado de trabalho, por isso, ele deve atualizar-se constantemente e preparar-se cada vez mais para os desafios do setor. Isso exige prática e esforço”, afirmou o presidente do Curriculum.com.br, Marcelo Abrileri.

Segundo balanço do site, a proporção dos profissionais da área que passam por certificações é muito pequena, diante do contingente de candidatos disputando uma vaga. Esta minoria acaba sendo selecionada nos processos.

Aprenda a investir na bolsa

Para se ter uma idéia, no caso da Curriculum.com.br, há mais de 276 mil novos candidatos querendo trabalhar no setor de TI (Tecnologia da Informação), mas apenas 16.472 candidatos afirmam possuir alguma certificação na área. Do total de currículos, 46% são de pessoas empregadas, o que indica que vale a pena investir num curso.

Profissionais demandados

Dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) comprovam a teoria de ‘apagão de talentos’ no setor. Isso porque eles mostram que a demanda por pessoas da área tende a chegar a 100 mil ao ano, em todo o Brasil, enquanto o número de profissionais preparados não deve atender a esta exigência. E o problema existe em outras partes do mundo: no Reino Unido, o déficit de 4,2% dos profissionais de tecnologia em 2007 passou para 6,8% este ano.

Além da teoria

A certificação é importante para garantia a vaga de emprego, mas não é suficiente para mantê-la. Para isso, o profissional da área deve saber se comportar no ambiente de trabalho e, muito mais do que isso, aperfeiçoar-se em negócios.

Como parte importante no crescimento comercial da empresa, o profissional da área tem que entender as regras do negócio, que são tão importantes como entender as linhas de códigos de tecnologia.

Inovação, criatividade, trabalho em equipe e comunicação são habilidades fundamentais para quem quer ter sucesso. Estarão à frente aqueles profissionais mais hábeis, mais versáteis, mais adaptáveis e com uma gama de conhecimento geral e técnico capaz de suprir as estratégias de inovação de cada organização.