Cenário atual pesa no desenvolvimento da carreira dos profissionais de finanças

Estar atento às mudanças políticas, econômicas e sociais e conhecer o negócio em que atua é imprescindível para crescimento

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Com a uniformização das regras da contabilidade, segundo as normas internacionais, as exigências para os profissionais da área são cada vez maiores. Contudo, manter-se atualizado apenas com relação às regras da profissão não é o suficiente para conseguir atuar no mercado de trabalho atual.

Para os profissionais de Finanças, Controladoria e Contabilidade, a atualização é parte substancial para adquirir competitividade no mercado. “Essa área está passando por fortes transformações e o cenário atual é um desafio para eles”, acredita o diretor da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade) e consultor em controladoria, Rubens Lopes da Silva.

Para ele, estar atento a todas as mudanças nos diversos âmbitos, tanto político, econômico ou social, pesa no desenvolvimento de carreira dos profissionais da área financeira. Essas informações, na avaliação de Lopes, fazem parte do trabalho desses profissionais e estar alheio a elas significa exercer um trabalho que não se alinha à realidade.

Aprenda a investir na bolsa

“O momento no mundo dos negócios é de muitas transformações e cada vez mais os produtos são parecidos”, afirma. “O que diferencia uma empresa da outra é o capital humano”, constata.

Mudanças
Lopes explica que, antes, os profissionais da área financeira eram mais passivos e executavam as tarefas como parte de um processo muito maior, que eles não necessariamente compreendiam ou sequer precisavam conhecer. 
“Antes, ele estava acostumado com alguém que falava o que ele tinha de fazer. Agora, ele é quem tem de ver o que precisa ser feito”, avalia Lopes. “Agora, ele tem de ter uma postura mais ativa”.

Hoje, por outro lado, principalmente os profissionais dessa área precisam ficar atentos às mudanças que ocorrem não só em relação à sua profissão. “O trabalho todo hoje é feito em equipe, se ele não compreender todo o negócio, ele não vai conseguir acompanhar essas mudanças”, ressalta.

E, para se dar bem nessa área, como em qualquer outra no mercado de trabalho, é preciso estar bem atualizado, aprender a se comunicar melhor, trabalhar com múltiplas equipes e ser inovador. “A partir do momento em que ele tiver a capacidade de reunir as informações e de saber passá-las, ele vai ser peça-chave”, ressalta.

Lopes reforça que o lado técnico, sempre valorizado nessa área, deve continuar sendo requisito forte. Mas, estar atento ao cenário atual e às mudanças de situações que estão direta ou indiretamente ligadas à área está tendo um peso equivalente ao do conhecimento técnico.

Essas mudanças no perfil exigido desses profissionais devem ser vistas de maneira positiva. “Essa é a grande oportunidade, porque há carência no mercado de profissionais com essas características. E aqueles que as desenvolverem serão muito procurados”, ressalta Lopes. 

PUBLICIDADE