Carreira: você sabe o que é seleção de reserva de vaga?

Candidato participa de processo de seleção normal, mas sem garantia de vaga; método pode ser usado na busca de emprego, mas não deve ser o único

SÃO PAULO – Encontrar emprego no mercado de trabalho competitivo pode significar uma longa jornada. Mas o profissional pode aumentar suas possibilidades ao participar de seleções de reservas de vagas.

Nada mais do que entrevistas, dinâmicas e provas que não têm vagas garantidas, este tipo de concurso costuma deixar os profissionais em situação de reserva para casos emergenciais na empresa, como aposentadorias e demissões.

Pontos negativos

Já que o concurso é para um vaga reserva, a resposta demora a vir e pode até não chegar. Isso pode ser um obstáculo para quem precisa de um emprego imediatamente. Pode ser, no entanto, uma alternativa para quem está empregado, mas buscando novos desafios.

PUBLICIDADE

Outro ponto negativo é que não há garantias em relação à vaga, o que desilude muitas pessoas. Por isso, participar destes processos não deve ser a única fonte para conseguir um emprego. Eles devem ser um método de complementação da busca por uma colocação.

Tenha comprometimento

Não é somente porque não irá ocupar uma vaga que deve participar sem comprometimento. Afinal, se está ali, tente dar o melhor e se destacar entre os candidatos, o que aumentará a chance de ser chamado.

Todas as dicas dadas para um processo de seleção comum devem ser usadas neste caso: saiba o momento de ouvir e falar, não interrompa os colegas, leia bastante sobre a empresa antes da entrevista, colete o máximo de informação sobre a vaga e cuidado com a expressão corporal.

Objetivos

Nada garante que o candidato aprovado seja chamado pela empresa e, por isso, a vaga em vista deve fazer parte dos objetivos a médio e longo prazo do profissional. Para isso, é preciso ter paciência.