AO VIVO Stock Pickers: Wilson Neto, analista da Clear, e Felipe Pontes, professor do MBA de ações e Stock Picking, falam sobre Day Trade

Stock Pickers: Wilson Neto, analista da Clear, e Felipe Pontes, professor do MBA de ações e Stock Picking, falam sobre Day Trade

Cadastro de currículo em sites gratuitos não prejudica candidato

Segundo especialista, são mitos que sites pagos qualificam candidato e que gratuitos têm menos oportunidades

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Quem está na busca por uma colocação ou recolocação no mercado de trabalho sabe que a internet é atualmente uma grande vitrine e aliada. Além das redes sociais, é possível encontrar na rede dezenas de sites de recolocação, inclusive gratuitos.

Neste último caso, entretanto, muita gente fica na dúvida sobre se deve ou não hospedar o currículo em um portal que não seja pago. Isso ocorre porque muitos acreditam que os portais pagos qualificam o candidato.

Segundo a diretora do Infojobs Brasil, Cecília Rojas, isso não passa de mito, sendo que o que vai qualificar ou não um candidato são as informações do currículo.

Aprenda a investir na bolsa

“O fato de pagar não qualifica o candidato como um bom profissional, já que isso depende exclusivamente do nível de formação e experiência que ele apresenta, bem como suas competências e habilidades a serem analisadas em uma entrevista pessoal”, diz ela.

Faça a melhor escolha
Independentemente se o site é pago ou não, especialistas sugerem que as pessoas façam uma boa pesquisa tanto sobre a empresa de recolocação como sobre as empresas que futuramente podem chamar para uma entrevista, a fim de verificar se trata realmente de uma oportunidade de emprego.

Além disso, na dúvida sobre qual site escolher, observe se o mesmo oferece outros serviços, como dicas de como se portar em entrevistas e matérias que retratem o mercado de trabalho, o que pode auxiliar o candidato a ter mais sucesso.

Por fim, tenha atenção redobrada com a preparação do currículo, destacando de forma clara e objetiva os pontos fortes, como os principais conhecimentos, resultados obtidos nas empresas em que atuou e habilidades desenvolvidas no decorrer da carreira; atentando para a apresentação do mesmo, evitando, por exemplo, erros de português.