CNI

Brasileiro está mais infeliz e teme perder emprego, mostra pesquisa

Estudo da CNI mostra que, enquanto o medo do desemprego aumentou, a satisfação do brasileiro com a vida diminuiu

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O início de 2014 não está sendo fácil para os brasileiros. Além do desemprego assombrar os profissionais do país, eles estão ainda mais insatisfeitos com a vida, revelou um estudo da CNI (Confederação Nacional da Indústria).

Segundo o levantamento, o Índice de Medo de Desemprego aumentou 0,8% entre dezembro de 2013 e março de 2014, saindo de 73 para 73,6 pontos. Na comparação com março de 2013, o medo é ainda maior, com um aumento de 6,7% no índice.

O medo do desemprego abrange também praticamente todos os cortes da pesquisa (gênero, idade, grau de instrução, renda familiar, condição e porte do município e região), exceto na região Nordeste, onde o índice ficou praticamente estável, com queda de 0,1%.

PUBLICIDADE

Entre dezembro e março, o índice foi crescente de acordo com a renda familiar dos entrevistados, passando de 3% para aqueles de renda familiar até 1 salário mínimo e alcançando 14,2% para aqueles com renda familiar acima de 10 salários.

Satisfação com a vida
Já o Índice de Satisfação com a Vida recuou 1% em março, na comparação com dezembro de 2013. O índice também apresenta queda quando comparado com o mesmo período do ano anterior, com -2,2%.

A satisfação com a vida reduziu para a maioria dos cortes da pesquisa em relação a dezembro. Quando confrontados com os dados de março de 2013, o resultado é ainda pior: apenas as famílias com renda de até 1 salário apresentaram aumento no índice (crescimento de 1,4%).