Brasil tem 26 CEOs entre os 50 com melhores performances do continente

País lidera a lista dos 50 melhores da América Latina; México aparece em segundo lugar, com dez profissionais, diz pesquisa

SÃO PAULO – O Brasil possui 26 CEOs entre os 50 com melhores performances da América Latina, segundo revela pesquisa realizada pela Harvard Business Review Latina America.

De acordo com o levantamento, o país lidera a lista dos 50 melhores do continente, sendo que o México, com dez CEOs, aparece na segunda colocação.

Para escolher os melhores CEOS, a instituição levou em consideração quanto o executivo devolveu para os acionistas, tomando como base de comparação outras empresas do país. Na média, diz o estudo, em 8,8 anos no escritório, estes executivos geraram um retorno de 1440%. A média global é de 997%.

PUBLICIDADE

Os melhores
De modo geral, os CEOs da indústria de bens de consumo, que inclui bebidas, produtos alimentícios e de higiene pessoal, dominam a lista dos 50 melhores da América Latina, respondendo por 20% do total. A menor representação, por outro lado, é da indústria de telecomunicações que possui apenas quatro representantes no ranking.

Entre os nove primeiros, aponta o levantamento, as cinco melhores colocações pertencem ao Brasil, como é possível verificar na tabela a seguir. Vale lembrar, que nem todos os listados continuam no cargo atualmente.

1 – Maurício Novis Botelho – Embraer (Brasil)

2 – Roger Agnelli – Vale (Brasil)

3 – Benjamin Steinbruch – CSN (Brasil)

4 – Arildo Zaroni Torres – Tractebel Energia (Brasil)

PUBLICIDADE

5 – Miguel Gomes Gutierrez – Lojas Americanas (Brasil)

6 – Paolo Rocca – Tenaris (Argentina)

7 – Renato Alves Vale – CCR (Brasil)

8 – José Antonio Fernández Carbajal – Femsa (México)

9 – Daniel Hajj Aboumrad – América Movil (México)