Brasil: medo do desemprego é o menor dos últimos 15 anos, revela CNI

De acordo com o estudo, em setembro, o medo do desemprego registrou queda de 3,9%, frente a julho

SÃO PAULO – O brasileiro está seguro em relação ao emprego. Segundo o Índice de Medo do Desemprego calculado pela CNI (Confederação Nacional da Indústria) e divulgado nesta segunda-feira (3), o indicador é o menor dos últimos 15 anos.

Em setembro, o medo do desemprego registrou queda de 3,9%, na comparação com julho deste ano e de 2,9% frente ao mesmo mês do ano passado. No nono mês do ano, o indicador atingiu 78,7 pontos. O indicador é de base 100 e, quanto mais alto for, maior o medo das pessoas de perderem os empregos.

De acordo com a CNI, um dos fatores da baixa do indicador é a proximidade do final do ano, quando tradicionalmente aumentam as ofertas de postos de trabalho.

PUBLICIDADE

Muito ou pouco medo
O estudo apontou também que 57% dos brasileiros afirmaram não ter medo algum do desemprego, o maior percentual da série. Em julho, a parcela da população que disse não ter qualquer medo do desemprego era de 53,6%.

Já os que afirmaram estar com muito medo do desemprego e os que responderam estar com um pouco de medo corresponderam a 12,8% e 31% dos entrevistados, respectivamente. No sétimo mês de 2011, estes percentuais eram de 15,5% e 30,2%, nesta ordem.

Sobre a pesquisa
O levantamento da CNI é feito trimestralmente a partir de pesquisa de opinião pública de abrangência nacional. O atual estudo foi feito com 2.002 pessoas entre 16 e 20 de setembro.