Brasil gerou 11,7 milhões de empregos em sete anos

De acordo com Ministério do Trabalho, isso mostra que a economia brasileira continua crescendo

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O número de trabalhadores no Brasil cresceu 36,86% entre 2003 e 2009. Nesses últimos sete anos, mais de 11,7 milhões de vagas foram criadas, de acordo com dados do Ministério do Trabalho.

Em 2003, havia no País cerca de 29,5 milhões de trabalhadores, entre celetistas e estatuários, passando para 40,4 milhões no ano passado. Somente em dezembro, 1,068 milhão de vagas foram criadas e, mesmo com perda de 415 mil postos de trabalho, o último mês do ano registrou recorde para o período de toda a série histórica do Caged.

“Isso mostra que a economia continua crescendo, que o patamar mensal de contratações continua subindo no País”, afirmou, por meio de nota, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi.

Aprenda a investir na bolsa

Carteira assinada
Considerando apenas os trabalhadores com carteira assinada, o Ministério do Trabalho registrou aumento de 32% no número de vagas registradas no País entre 2003 e 2009.

Com a alta, o número de admitidos passou de 24,9 milhões para 32,9 milhões em sete anos.

Em 2003, 93,3 milhões de trabalhadores foram admitidos e outros 84,5 milhões foram desligados.

De acordo com o ministério, o saldo de empregos gerados durante o ano só ficou abaixo de um milhão de vagas em duas ocasiões: 2003 e 2009.