Brasil criou 1 milhão de empregos formais até outubro, afirma Lupi

Ministro afirmou que marca já foi superada, sendo que no ano passado a criação de empregos foi de 1,452 milhão

SÃO PAULO – O ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, afirmou que a criação de empregos formais até outubro de 2009 já superou a marca de 1 milhão, sendo que, ao longo de 2008, foram criados 1,452 milhão de novas vagas.

Lupi falou ao participar da Fenashore (Feira e Conferência Internacional de Tecnologia Naval e Offshore), nesta segunda-feira (9) em Niterói, no Rio de Janeiro.

O setor

Durante o evento, o ministro ainda reiterou o compromisso do governo com o aumento do conteúdo nacional na indústria naval e afirmou que o pré-sal vai dobrar o número de empregos gerados pelo setor.

PUBLICIDADE

“Hoje, são cerca de 200 mil empregos indiretos e, com as demandas do pré-sal, este número vai chegar a quase 500 mil. As empresas brasileiras precisam investir em inovação e tecnologia para aproveitar esta oportunidade”, disse Lupi.

O presidente do IBP (Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis), João Carlos de Luca, afirmou que o setor tem vivido um momento de grandes oportunidades para pequenas, médias e grandes empresas, mas que são enormes também os desafios, entre os quais destacam-se o aprimoramento das tecnologias e a formação de mão-de-obra necessária para atender às demandas.