AO VIVO Análise Técnica na prática: como um trader ganha dinheiro na Bolsa?

Análise Técnica na prática: como um trader ganha dinheiro na Bolsa?

Balanço: número recorde de 11,1 milhões sacou PIS/Pasep

Segundo ministro, 94,86% dos beneficiários sacaram quantia a que tinham direito no ano-base 2005

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Segundo dados divulgados, nesta quinta-feira (05), pelo ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, o total de abonos salariais concedidos no ano-base 2005 bateu recordes, já que mais de 11,1 milhões de trabalhadores sacaram o benefício do PIS/Pasep, 94,86% do total.

“Nunca tantos trabalhadores receberam abono salarial. Chegamos a maior taxa de cobertura da história”, disse o ministro.

O recorde anterior era dos anos 2003 e 2004, referentes ao ano-base 2002, quando 94,56% dos beneficiários sacaram o benefícios, o que totalizou 7,8 milhões de pessoas. O pagamento atingiu 9,4 milhões de trabalhadores celetistas registrados no PIS e 1,7 milhão de servidores inscritos no Pasep.

Aprenda a investir na bolsa

Análise regional

O Sudeste pagou o maior número de benefícios, com mais de 5,009 milhões. Em seguida, vieram o Nordeste (2,278 milhões), o Sul (2,070 milhões), o Centro-Oeste (821.606) e a região Norte (515.743).

Além disso, dos 603.525 beneficiários que não sacaram os benefícios, 264.147 eram do Sudeste, 112.093 do Nordeste, 105.113 do Sul, 74.085 do Centro-Oeste, e 48.087 do Norte.

PIS/Pasep

Para ter direito ao PIS/Pasep, os trabalhadores devem ter ganhado até dois salários mínimos no ano-base, estarem cadastrados no PIS/Pasep em 2005 há, no mínimo, cinco anos e terem trabalhado pelo menos 30 dias em 2005.

Os trabalhadores do Programa de Integração Social (PIS) recebem o abono salarial na Caixa Econômica Federal ou nos postos e agentes da Caixa. Já quem é cadastrado no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) deve retirar o benefício no Banco do Brasil.