Paixão x Salário

As 10 profissões para recém-formados com maior índice de desemprego

os recém-formados em cursos de ciências sociais e áreas de criação se deparam com uma taxa de desemprego de 10% a 12% maior que outras carreiras

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Na hora de prestar vestibular, muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual carreira seguir. Na maioria dos casos, a orientação é de que se escolha a profissão que você gosta e que vai te fazer feliz.

Porém, um levantamento realizado pela empresa H&R Block mostra quanta influência o seu curso na faculdade tem nas suas chances de conseguir emprego. Por exemplo, os recém-formados em cursos de ciências sociais e áreas de criação, nos Estados Unidos, como antropologia, cinema, artes plásticas e design gráfico, se deparam com uma taxa de desemprego de 10% a 12% maior que outras carreiras.

Por outro lado, as principais ocupações de recém-formados foram publicidade, seguido por programador de computador e profissional de finanças. Confira abaixo:

PUBLICIDADE
As 10 piores carreiras universitárias
CursoTaxa de desemprego – Graduados com experiência Taxa de desemprego –  Recém-formados
Fonte: H&R Block
Antropologia e Arqueologia6,2%10,5%
Cinema, Vídeo e Fotografia6,7%12,9%
Belas Artes7,3%12,6%
Filosofia e Teologia6,8%10,8%
Artes Liberais6,2%9,2%
Música4,5%9,2%
Educação Física e Recreação4,5%8,3%
Artes Comerciais e Design Gráfico7,5%11,8%
História5,8%10,2%
Letras e Literatura Inglesa6,2%9,2%
Profissões com mais vagas para recém-formados
Fonte: H&R Block
Enfermagem
Representante de Vendas
Contador
Representante de Serviço ao Cliente
Engenharia Industrial
Vendedor
Administrador de Serviços Médicos e de saúde
Fisioterapeuta 
Terapeuta Ocupacional
Programador de Computador
Principais ocupações para recém-formados
OcupaçãoCrescimento no mercado no último ano
Fonte: H&R Block
Publicitário55%
Programador de Computador37%
Contador e Profissional de Finanças36%
Atendente de Hotel e Restaurante36%
Profissional do Setor Automotivo25%
Vendedor e Marqueteiro21%
Training21%
Voluntário17%
Vendedor16%
Cuidados e Serviço de Saúde16%