Aquecimento no mercado pode trazer riscos para os profissionais

As mudanças de emprego em razão de salários altos e contrapropostas podem prejudicar o profissional

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Empresas de todos os setores estão contratando e a perspectiva para este ano é que haja mais movimentação de colaboradores. Entretanto, neste cenário positivo, profissionais precisam ficar atentos. 

Isso porque, de acordo com o diretor de Operações da Robert Half, Fernando Mantovani, as mudanças de emprego em razão de salários altos e contrapropostas estão se tornando comuns.

“De um lado, os profissionais deixam para trás seu planejamento de carreira em busca apenas da motivação financeira. De outro, as empresas querem reter seus profissionais fazendo contrapropostas insustentáveis a longo prazo ou buscando novos talentos por valores muito acima da média do mercado”, afirmou Mantovani.

Aprenda a investir na bolsa

Salário
Para os profissionais, o risco está nas propostas que oferecem maiores salários, que geralmente exigem alta qualidade no trabalho. São frequentes os casos de profissionais que não estão preparados para as atividades, o que pode levar a uma demissão não esperada.

“O profissional que cresce aceitando apenas aumento de remuneração não tem uma carreira sustentável e colherá os frutos disso em poucos anos”, disse o diretor.

Imagem
Quando o mercado está aquecido, os profissionais tendem a participar de diversos processos seletivos, chegando à fase final de vários deles. Para Mantovani, essa atitude “abala” a imagem do candidato diante das empresas.

“A saída é ponderar as propostas e deixar claro que está participando de outros processos; ou seja, somente avance nos processos quando estiver certo da decisão tomada, sem voltar atrás”, completou Mantovani.

O aquecimento do mercado também pode trazer consequências macroeconômicas a longo prazo. Entre elas, está a importação de mão-de-obra, em razão da falta de profissionais qualificados para áreas como infraestrutura e logística.