para 1º tri de 2014

Apesar de baixa expectativa, Brasil é o 7º país com maior intenção de contratação

Com os dados ajustados, o índice de intenção de contratação é de 16%

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Uma pesquisa trimestral realizada pelo ManpowerGroup mostra que a maioria dos empregadores planeja manter suas equipes no primeiro trimestre do próximo ano. Mais de 68% das 850 empresas pesquisadas acreditam que não vão aumentar nem diminuir suas folhas de pagamento, enquanto 21% esperam crescer a equipe e 11% vão diminuir seus quadros.

Já com os dados ajustados, que permitem a variação sazonal, o índice de intenção de contratação é de 16%. Na comparação com o último trimestre de 2013, o índice mostra retração de 3% e é o mais baixo desde o início da pesquisa, em 2009.

Apesar da diminuição em relação aos outros trimestres, a taxa de 16% faz do Brasil o 7º país com maior intenção de contratação entre 42 países e regiões pesquisadas. Em termos de expectativa de emprego, os empregadores brasileiros só ficam atrás do Japão, Singapura, Colômbia, Nova Zelândia, Índia e Taiwan, conforme pode ser observado abaixo:

Os 10 países com as maiores expectativas de emprego no 1º tri de 2014
PaísesIntenção (%)
*ManpowerGroup
Taiwan39%
Índia33%
Nova Zelândia21%
Colômbia19%
Singapura19%
Japão17%
Brasil16%
Perú16%
Turquia16%
Hong Kong 14%

Aprenda a investir na bolsa

Por setor e região
Ainda de acordo com a pesquisa, as maiores intenções de contratação no Brasil são do setor de Serviços, com uma expectativa de 27%. Na Construção e Transportes a perspectiva é de 16%. Na outra ponta, o setor com a expectativa mais fraca é o de Agricultura, Pesca e Mineração com 4%, diminuindo 5% em comparação ao trimestre anterior e 18% ante o 1º trimestre de 2013.

Já por região, a mais forte perspectiva de contratação está no estado do Rio de Janeiro, onde a taxa é de 18%. Em São Paulo e no Paraná o otimismo fica em 17% e o estado com o plano de contratação menos otimista é Minas Gerais, onde a perspectiva apontada é de 8%.