Apenas 10,9% dos profissionais já passaram por processo de mentoring

Pesquisa da Catho também constatou que mais homens já "mentoraram alguém" ou foram "mentorados" do que mulheres

SÃO PAULO – Poucos profissionais já atuaram como mentores em sua empresa ou foram “mentorados”, um total de 10,9%, segundo pesquisa da Catho realizada com 16 mil participantes entre março e abril deste ano.

Dos que já passaram por esse processo, 15,8% ocupavam a presidência, a gerência geral ou equivalente. A maioria, entretanto, era vice-presidente (25,8%), consultor de empresa de consultoria (23,6%), consultor independente (18,1%) ou diretor (17,6%).

A pesquisa também constatou que mais homens já “mentoraram alguém” ou foram “mentorados” do que mulheres (12,2% contra 8,7%).

PUBLICIDADE

Com relação ao porte da empresa, processos de tutorial são mais comuns entre aquelas que faturam mais de US$ 100 milhões por ano, com 15,8%. Já entre as empresas cujo faturamento anual não ultrapassa os US$ 15 milhões, esse percentual é de 9,2%.

O que é mentoring

Mentoring ou tutoria é um processo no qual um profissional mais experiente (o mentor ou o tutor) é designado para apadrinhar um mais jovem (mentorado ou tutorado), servindo-lhe de orientador e conselheiro de carreira.

É necessário frisar que o mentoring serve, basicamente, para auxiliar o profissional quanto ao seu desenvolvimento no longo prazo, e não está relacionado com a hierarquia dentro da organização.