dinheiro não cai do céu

Acha que é fácil? Maioria dos bilionários trabalha mais de 60 horas por semana

Recentemente, a Forbes perguntou a 50 bilionários quantas horas eles trabalham por semana e o resultado foi surpreendente

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Alcançar o sucesso e riqueza já se sabe que não é tarefa fácil. Mas um levantamento feito pela revista norte-americana Forbes mostrou que até quem não precisaria trabalhar não só continua na direção de seus negócios, como enfrenta uma exaustiva jornada de trabalho, que passa até das 60 horas semanais.

Recentemente, a Forbes perguntou a 50 bilionários quantas horas eles trabalham por semana e o resultado foi surpreendente.

Ao contrario do que muitos pensam, as pessoas mais ricas do mundo são também as que mais trabalham – mesmo tendo fortunas. Quase 60% dos bilionários consultados têm uma jornada semanal superior a 60 horas e os outros 40% possuem uma jornada de trabalho de 40 horas ou menos por semana (mesma jornada de trabalho dos brasileiros).

PUBLICIDADE

Entre os bilionários “workaholics” (viciados em trabalho), 29,8% disseram trabalhar cerca de 60 horas por semana, enquanto 29,8% ultrapassam essa jornada. Na outra ponta, 29,8% trabalham 40 horas semanas, 8,5% por cerca de 20 horas e 2,1% afirmaram que tem uma jornada menor de 4 horas por semana. 

Jornada de 20 horas semanas
O levantamento da Forbes mostra uma tendência contrária ao pensamento de alguns dos homens mais ricos do mundo, que são a favor da redução da jornada de trabalho. O CEO do Google, Larry Page, defendeu recentemente que profissionais trabalhem 4 horas por dia, ou 20 horas por semana. Já o homem mais rico do mundo, Carlos Slim, declarou que os profissionais deveriam trabalhar apenas 3 dias por semana, com uma jornada de 8 horas por dia.

Segundo eles, a redução da jornada de trabalho pode melhorar a qualidade de vida, permitindo mais tempo livre. Descansados, os funcionários renderiam mais e gerariam resultados mais produtivos e saudáveis.