Varejo

Abilio Diniz está próximo de comprar parte do Carrefour no Brasil

As negociações provavelmente duram há bastante tempo, dado que os rumores começaram um ano atrás - quando o InfoMoney noticiou em primeira mão na época

SÃO PAULO – Pouco mais de um ano depois de se desligar do Pão de Açúcar, Abilio Diniz pode estar próximo de fechar compra de parte do Carrefour no Brasil, noticiou a Exame nesta terça-feira (16). Abílio pode estar atrás de uma participação minoritária que lhe permita participar da gestão da empresa. 

As negociações provavelmente duram há bastante tempo, dado que os rumores começaram um ano atrás – conforme o InfoMoney havia noticiado em primeira mão na época. Mesmo antes disso, Abílio já “namorava” a operação brasileira do Carrefour há algum tempo, inclusive tentando fazer uma fusão entre ela e o Pão de Açúcar, quando ainda era controlador da empresa fundada por seu pai. 

Com grande expertise no setor varejista, Abílio pode estar à frente de uma reestruturação na operação brasileira, que pode passar pela abertura do capital da subsidiária brasileira na BM&FBovespa, quando as condições do mercado assim permitirem. Na matriz francesa, Abílio já é um dos maiores acionistas individuais

PUBLICIDADE

Não há detalhes da operação, que ainda pode fracassar, nem se Abílio participará da gestão da empresa e muito menos se a operação envolve a abertura de capital da subsidiária brasileira, conforme anteriormente especulado. E a Península, empresa que gere o dinheiro do bilionário, diz que não comenta investimentos.

Atualmente, Abílio é grande acionista e presidente do conselho da BRF. Como a empresa é uma das maiores fornecedoras do Carrefour, surge um conflito de interesses entre as empresas. Não se sabe o que o bilionário fará com suas posições, caso adquira uma parte da operação brasileira da varejista.