coaching

6 lições de liderança para aprender com Bill Gates

Prestes a fazer 60 anos, o criador da Microsoft continua sendo uma inspiração a profissionais do mundo todo

SÃO PAULO – Na próxima semana, 28 de outubro, o criador de umas das principais empresas que revolucionaram a computação no mundo, Bill Gates completa 60 anos. Mesmo não sendo uma figura tão mítica quanto Steve Jobs, não há como negar seu impacto no universo das tecnologias e além dele.

Gates tinha apenas 19 anos quando fundou a Microsoft, e desde então liderou diversas vezes a lista dos homens mais ricos do mundo. A empresa que ele fundou faz parte do chamado quinteto de ferro, formado pelo Facebook, Amazon, Apple, Alphabet e a Microsoft. Juntas elas valem US$ 2,1 trilhões e a “filha de Gates e Allen” está avaliada em US$ 424 bilhões.

Apesar disso, ele acaba de ser ultrapassado por Amancio Ortega, fundador da Zara, que ostenta US$ 79,8 bilhões, contra US$ 78,1 bilhões de Gates, segundo o medidor em tempo real da Forbes.

PUBLICIDADE

Mas o homem que produziu o sistema operacional que iria inaugurar a era do computador pessoal, tem outras questões para se preocupar além do fato de deixar de ser o homem mais rico do planeta. Através da Fundação Bill & Melinda Gates, o bilionário está tentando desenvolver vacinas e criar programas de educação acessíveis em países subdesenvolvidos.

Em homenagem a seu aniversário, o portal Entrepeneur, criou uma lista com 6 lições de liderança que podem ser aprendidas com o criador do Windows.

1. Encontre as oportunidades certas

Quando a Microsoft tinha apenas seis anos, a empresa fez um movimento que não só mudou o seu futuro, mas o futuro da computação pessoal. A Microsoft comprou um sistema operacional da Seattle Computer Products por US$ 75.000 dólares, que se tornaria o saudoso MS-DOS (Microsoft Disk Operating System). A Microsoft desenvolveu o sistema operacional para a IBM instalar em seu primeiro PC, que iria passar a dominar o mercado depois que foi apresentado ao público em 1981.

Naquele ano, Gates, foi entrevistado pela PC Magazine para falar sobre a experiência das equipes da IBM e da Microsoft trabalharem em conjunto e como eles se comunicavam através de um sistema de correio eletrônico. Além disso, ele previu o que viria nos próximos anos graças a parceria.

“Nós vamos ser capazes de colocar sobre a mesa de alguém, por um custo incrivelmente baixo, um processador com muito mais capacidade do que você poderia tirar proveito de … Você vai ser capaz de se sentar em sua mesa e fazer tudo o que você quer fazer com informações ou apresentação de dados ou intercâmbio de dados incrivelmente eficaz. Em outras palavras, teremos mudado a maneira como as pessoas trabalham.”, disse Gates naquela época.

PUBLICIDADE

2. Use sua posição para ajudar outras pessoas

Líderes fortes compreendem a importância de ter o seu sucesso e usá-lo para chamar a atenção para aqueles que mais precisam, dando um exemplo para os outros em sua posição. A Fundação Bill & Melinda Gates realizaram ao longo de 15 anos doações no valor impressionante de US$ 42 bilhões. Os Gates têm dedicado seu tempo para trazer a ajuda de todo o mundo, e são especialmente apaixonados por sustentabilidade, educação, saúde pública e o fornecimento de acesso à tecnologia.

3. Leia sabiamente

Chamar Bill Gates de um leitor ávido é um grande eufemismo. Gates tem uma seção do seu blog dedicado ao que ele está lendo, e ao longo do último ano, tem se preocupado a rever e recomendar livros para listas de leitura de verão e de fim de ano. Suas listas trazem diversos autores de destaque que variam de cartunistas e humoristas, como Allie Brosh of Hyperbole and a Half, e Randall Munroe da XKCD, a analistas políticos como Vaclav Smil, e historiadores como Doris Kearns Goodwin. Um líder bem-sucedido entende a importância de ter em conta todos os tipos de perspectivas e sabe que a inspiração pode vir de qualquer lugar

4. Não esqueça de se divertir

Gates não está sempre lendo textos pesados ou ajudando a resolver os problemas do mundo. Às vezes ele faz tarefas em casa ou joga bridge. E ele também é conhecido por incorporar algumas banalidades em sua temporada de férias, como participar de amigos secretos. Algumas escolhas de presentes incluíram uma doação para a Heifer Foundation e um capacete do vilão da Marvel Loki.

5. Seja apaixonado e colaborativo em busca de sua visão

Em uma entrevista conjunta que Gates deu com Steve Jobs, em 2007, na Conferência D5, a dupla falou sobre o passado e futuro de suas empresas. Gates refletiu sobre como ele trabalhou para conseguir o seu objetivo e de Paul Allen de colocar “um computador em cada mesa e em cada casa.”

No final, Gates disse que ele estava montando a equipe certa, o que era muitas vezes o maior teste e o mais gratificante. “Eu cometi mais erros nessa área do que talvez em qualquer lugar, mas, acabei trabalhando com algumas das melhores pessoas… Eu acho que tudo se resume as pessoas e a paixão”.

6. Nunca para de se perguntar o que você pode fazer melhor

Em discurso de formatura na Universidade de Harvard, em 2007, Gates falou da importância de transformar carinho em ação para resolver os problemas do mundo. Ele disse aos formandos da universidade para não serem sufocados pela complexidade das questões, mas para atacá-los passo a passo.

“Determinar um objetivo, encontrar a abordagem de maior alavancagem, descobrir a tecnologia ideal para essa abordagem, e, então, tornar a aplicação mais inteligente da tecnologia que você já tem… O mais importante é nunca parar de pensar e trabalhar. O passo final – depois de ver o problema e encontrar uma abordagem – é medir o impacto do seu trabalho e compartilhar seus sucessos e fracassos, para que outros aprendam com seus esforços “.