precisa de inspiração?

14 lições de Richard Branson para você ter sucesso nos negócios em 2015

O bilionário e megaempresário Richard Branson compartilhou em seu livro algumas dicas para quem deseja seguir os rumos empreendedores

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Richard Branson é o empresário mais eclético na seleta lista dos bilionários da Forbes. Com uma fortuna estimada em us$ 4,9 bilhões, segundo a revista, o megaempresário construiu do zero oito companhias bem-sucedidas de setores completamente diferentes. 

De origem humilde, o fundadro do grupo Virgin deixou a escola aos 16 anos de idade para começar pequenos negócios. Hoje, Branson está entre as 270 pessoas mais ricas do mundo e seus investimentos vão à música, aviação, companhia aérea e até viagens aeroespaciais. “Se eu tivesse continuado meus estudos me pergunto o quão diferente seria minha vida e carreira agora”, escreveu o empresário em seu livro “Like a Virgin: They Won’t Teach You at Business School”. 

O site norte-americano Business Insider compilou algumas dicas do livro. Confira:

PUBLICIDADE

“Não faça algo se você não vai aproveitá-lo”
Segundo Branson, corra atrás do que você deseja, mas crie algo pelo qual você se orgulhe. 

“Seja visível”
Branson recebeu um conselho de Sir Freddie Laker quando criava a Virgin Airlines: “se certifique que você aparecerá na primeira página, e não na última” advertiu Laker. “Se faça de tolo, se for preciso. Caso contrário, não vai sobreviver.”

“Escolha o nome da empresa sabiamente”
O único nome e marca que Virgin emprega é uma das principais fórmulas de sucesso do grupo. Branson adicionou à marca os valores que ele queria passar, o que a marca representaria a aqueles que a ouviam. 

“Escute mais. Fale menos”
O único jeito de ouvir mais as pessoas é ficando em silêncio, sem interrompê-las. Branson sempre anda com um carderno de anoções caso ouça algo interessante em um bate-papo qualquer. 

“Você não conseguirá dirigir um negócio sem tomar riscos”
 Essa é uma das lições favoritas de Branson, que faz questão de dizer a todos que perguntam sobre seus negócios. “O risco pode acabar com tudo – mas ser cuidadoso não te fará viver com tudo.”

“A primeira impressão é tudo. Assim como a segunda”
A primeira impressão é extremamente importante, na visão de Branson, mas também é preciso investir no relacionamento a longo prazo com seus clientes, fornecedores e funcionários. 

PUBLICIDADE

“O perfeito é irrealizável”
“Há um inerente perigo ao deixar as pessoas pensarem que têm algo perfeito”, diz Branson. “Quando elas acreditam que já acertaram, tendem a sentar e descansar sobre os louros, enquanto inúmeros outros vão trabalhar duro para melhorar seu trabalho.”

“Você não consegue fazer tudo sozinho”
Segundo Branson, “a arte de delegar é uma das habilidades fundamentais para quem quer empreender”. Delegar também dará mais tempo para passar mais tempo com a família e fazer coisas que realmente importam, além do trabalho.

“Os clientes têm sempre razão, a maioria das vezes”
Os clientes estão sempre certos, ao menos que eles estão errados. “A opinião dos consumidores são importantes, mas você não pode construir seu atendimento ao cliente com a premissa de que eles são inquestionáveis”, conta Branson. Nem sempre o cliente está certo. Desconfie de relacionamentos prejudiciais.

“Defina sua marca”
Apesar de Branson investir em diversas áreas, ele sempre focou em apenas uma coisa: encontrar as melhores maneiras de ajudar as pessoas a ter bons momentos. “Se você não definir sua marca, seus concorrentes certamente farão.”

“Explore novos territórios”
Há muitas áreas para descobrir no mundo dos negócios. Seja ousado e procure inovar sempre. 

“Você faz sua própria sorte”
Isso não significa que Branson não acredite em sorte. Mas ele acredita que há diversas coisas que empresários podem fazer, mudar e manipular para que algo aconteça. “Qualquer um que se esforçar pode realizar seus sonhos.”

“Construa uma zona de conforto corporativa”
Para Branson, os funcionários  precisam se sentir livres, encorajados e seguros para fazerem um bom trabalho. 

“Tenha um mentor”
Um bom mentor irá entender como trabalhar com você e irá guiá-lo.